21.3 C
Rio Branco
24 junho, 2021 10:03 pm

Palmeiras e São Paulo viram chave e têm confrontos jogos no Paulista

Após rodada da Libertadores, equipes entrarão em campo pelas quartas de final do estadual

POR METRÓPOLES

Depois de um meio de semana duro por conta da Libertadores, hora de Palmeiras e São Paulo virarem a chave para as decisões do Campeonato Paulista.

Duas partidas definem quem avança para a semifinal do Paulistão nesta sexta-feira (14/5). O Bragantino recebe o Palmeiras em casa e, no Morumbi, o São Paulo terá a Ferroviária como adversária.

No estádio Nabi Abi Chedid, a promessa é de bom futebol. Às 19h30, o Massa Bruta terá o Verdão como adversário. Por ter encerrado a fase de grupos em primeiro da chave, o Bragantino fará o jogo em casa e vai tentar usar o fator casa como vantagem diante do atual campeão paulista.
Depois de bater o Emelec por 2 x 0 na Sul-Americana, o Bragantino vira a chave para seguir em busca da taça estadual.
O Braga aposta na solidez defensiva para conseguir superar o Palmeiras. Com apenas seis gols sofridos até aqui, a equipe comandada por Maurício Barbieri se apega ao bom momento no estadual para tentar passar de fase.

A missão não será nada fácil. O Palmeiras chega ao confronto embalado, após vencer a quarta partida consecutiva na Libertadores e garantir de maneira antecipada a classificação no torneio continental.

Os comandados de Abel Ferreira, entretanto, não tiveram a mesma facilidade no torneio local.

A classificação só foi confirmada na última rodada, após a vitória por 3 x 0 diante da Ponte Preta. O time que deve começar jogando ainda é um mistério.

Nos três embates que tiveram em 2020, vantagem palmeirense com duas vitórias. O Bragantino venceu apenas uma partida.

Mais tarde, às 21h30, é a vez do São Paulo enfrentar a Ferroviária. O Tricolor Paulista deve jogar as quartas com o time titular.

O técnico Crespo poupou quase todo o time titular no meio de semana durante o empate com o Rentistas, do Uruguai, pela Libertadores da América.

A decisão do técnico pode ser explicada pelo longo jejum que o time passa.

O Tricolor do Morumbi não levanta o caneco do estadual desde 2005, marca incômoda para o clube a para a torcida.

Duas baixas foram confirmadas antes da partida. Daniel Alves e Luciano não devem entrar em campo, os dois se recuperam de lesões musculares. O mesmo acontece com o reserva Éder. De restante, todos os titulares devem jogar nesta sexta.

Pelo lado da Ferroviária, a partida marca a primeira decisão de Elano, ex-jogador e atual técnico da equipe de Araraquara.

Há apenas 16 dias comandando a equipe, Elano ajudou a equipe a conquistar três vitórias e um empate nos últimos quatro jogos.

A Locomotiva aposta suas fichas na boa fase do atacante Bruno Mezenga, que anotou oito gols na competição, para bater o gigante do Morumbi, passar de fase e sonhar com o título.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.