30.3 C
Rio Branco
8 junho, 2021 6:38 pm

Quase 70% dos acreanos afirmam não usar camisinha em todas as relações sexuais

Apenas 31,8% disseram ter usado preservativo em todas as relações, o que corresponde a um total de 146 mil pessoas

POR EVERTON DAMASCENO, DO CONTILNET

A preocupação entre os acreanos sobre o alto índice de infecções sexualmente transmissíveis (ISTs) ainda é uma realidade. O cenário fica um pouco mais delicado quando a última pesquisa realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) aponta que a maior parte da população do Estado não usa preservativo em todas as relações sexuais.

A Pesquisa Nacional de Saúde (PNS) 2019 mostra que 68,2% das pessoas entrevistadas em 2019 no Acre e que tiveram relação sexual nos últimos 12 meses anteriores à data da entrevista não usaram camisinha em todos os encontros.

Apenas 31,8% disseram ter usado preservativo em todas as relações, o que corresponde a um total de 146 mil pessoas.

Procura por serviço de saúde para a obtenção de preservativos

No Acre, 16,2% das pessoas disseram que recorreram ao serviço público de saúde com essa finalidade, o que corresponde a, aproximadamente, 96 mil pessoas.

Também em 2019, o Governo Estadual registrou mais de 1,3 mil pacientes em tratamento contra o vírus da imunodeficiência humana (HIV).

Com informações do IBGE.