20.3 C
Rio Branco
21 junho, 2021 11:47 am

Sem pista de pouso e sem médico, grávida morre em Marechal Thaumaturgo

POR JURUÁ INFORMATIVA

A jovem Suzete de Oliveira Mendes, deu entrada no hospital de Marechal Thaumaturgo na noite desta quinta-feira, 27, segundo informações repassadas por familiares ao chegar no hospital não havia médico para realizar o parto, então a família decidiu se deslocar de avião para a maternidade de Cruzeiro do Sul.

Porém a pista da pouso da cidade, está interditada há meses. Por falta de manutenções por parte do governo do estado. A jovem acabou não resistindo vindo a óbito na madrugada desta sexta-feira 28.

O Jornal jurua Informativa entrou em contato com um primo da vítima, que ainda muito abalado com a notícia, preferiu não dar muitas informações, apenas disse que é um momento de muita dor e que não deseja isso nem para o seu pior inimigo.

Sem pista de pouso e sem médico no hospital, os pacientes precisam ser transportados de canoa para o hospital Regional em Cruzeiro do Sul. A distância entre as duas cidades é de  quase 143 km em linha reta. O que significa entre a 7 e 8 horas de viagem de voadeira ou um dia inteiro se a viagem for feita de canoa. Com o nível das águas dos rios baixa neste período, a travessia se limita à canoas. Quanto mais o verão avança, maior a dificuldade de acesso.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.