17.3 C
Rio Branco
21 julho, 2021 7:11 am

Variante Delta pode chegar a qualquer momento no Acre, diz Sesacre: “Estruturas estão mantidas”

Marcos destacou a importância de a população buscar o quanto antes a vacina contra o vírus

POR EVERTON DAMASCENO, DO CONTILNET

A variante Delta, que já chegou ao Brasil e fez inúmeras vítimas fatais em outros países do mundo, pode chegar ao Acre a qualquer momento.

A informação foi dada pelo representante do Centro de Informações Estratégicas em Vigilância da Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre), Marcos Venicius Malveira, durante coletiva à imprensa que divulgou a classificação de todo o Estado na bandeira amarela (nível de atenção), nesta sexta-feira (9).

“Precisamos ficar atentos a esse risco que estamos correndo. A variante já está no Brasil, e estamos preparados para sua chegada ao Acre. O Estado está com toda estrutura mantida para atender possíveis casos”, comentou o técnico da Sesacre.

Marcos destacou a importância de a população buscar o quanto antes a vacina contra o vírus, já que a imunização completa é a única forma de vencê-lo.

“Temos uma ameaça aí, e a única forma de nos protegermos e também os que amamos é tomando a vacina. Quem já pode ser vacinado, deve buscar o ponto mais próximo de sua casa. Além disso, vamos manter o distanciamento social e o uso de máscaras”, continuou.

Variante Delta

Primeiramente identificada na Índia, a variante Delta já foi encontrada no Brasil, mas especialistas dizem que ainda não é possível afirmar que ela esteja em ampla circulação no país.

Apesar disso, a cepa já fez vítimas fatais: uma mulher grávida, de 42 anos, que havia viajado do Japão para Apucarana, no Paraná, morreu em 18 de abril. No dia 24 de junho, o Ministério da Saúde confirmou que um homem de 54 anos, tripulante de um navio que está em quarentena na costa do Maranhão, morreu por conta da infecção.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.