24.3 C
Rio Branco
21 setembro 2021 9:05 pm
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Carrão: Dono de Porsche furta o próprio carro de dentro de pátio do Detran

Porsche foi apreendido como bem em garantia em decisão judicial

POR RONDONIA AO VIVO

Um Porsche Boxter apreendido pela Justiça foi furtado na última terça (3), no pátio da Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran) de Primavera do Leste, a 239 km de Cuiabá. O suspeito do crime é o próprio dono do veículo, que tem uma dívida de R$ 474 mil.

Imagens das câmeras de segurança flagraram o momento em que o carro foi levado.

O vídeo mostra um veículo entrando no pátio e, em menos de um minuto, deixando o local com o Porsche logo atrás. Os dois motoristas fugiram em alta velocidade.

De acordo com a Polícia Civil, os vigilantes questionaram aos funcionários se o Porsche havia sido liberado e foram informados que não.

À polícia, os seguranças contaram que dois homens em um Jeep entraram no setor de vistoria da unidade, sendo que um deles desceu do carro em posse de uma chave, abriu o Porsche apreendido e saiu do local.

Porsche foi apreendido como bem em garantia em decisão judicial

A Ciretran disse que o veículo estava trancado e a chave estava lacrada dentro do processo de remoção.

A Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Primavera do Leste investiga o crime. No entanto, nenhum dos suspeitos foi localizado até agora.

Dívidas

Em abril de 2019, a juíza Tatiana Pitombo, da Vara da Justiça do Trabalho de Primavera do Leste, determinou o bloqueio do Porsche e de outros oito veículos, entre eles motos de luxo e caminhonetes, que estavam no nome do suspeito para o pagamento de dívidas trabalhistas.

O dono do Porsche tem uma dívida de R$ 474 mil.

Na segunda-feira (26), o veiculo foi retirado de circulação, como bem em garantia da decisão judicial. O carro, modelo 2013, está avaliado em R$ 272 mil.

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT) informou que os pagamentos de IPVA, de 2016 a 2021, do Porsche estavam atrasados.

Ainda de acordo com o departamento, o IPVA foi quitado pelo proprietário no dia da apreensão, no entanto, o carro não foi liberado por causa das outras dívidas dele que já estão em âmbito judicial.

Segundo o Detran, ele invadiu o pátio da Ciretran e retirou o veículo.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.