26.3 C
Rio Branco
28 setembro 2021 1:05 am

Após falas polêmicas de cabo da PM, caso vai parar na corregedoria; Polícia Militar revela detalhes ao ContilNet

POR DOUGLAS RICHER, DO CONTILNET

Última atualização em 12/09/2021 16:05

A reprodução dessa coluna fica proibida sem os créditos do colunista e site. A cópia desse conteúdo sem autorização gera processos judiciais.

Siga meu Instagram e veja mais conteúdos: @douglasricher.

A cabo da Polícia Militar do Estado do Acre, Ligia de Lima Messias, de 29 anos, tem sido destaque na imprensa acreana pelas postagens polêmicas e opiniões fortes em suas redes sociais.

Lígia recentemente usou seu Instagram para mostrar uma mensagem onde respondeu um seguidor sobre seu apoio ao presidente Jair Bolsonaro.

Na publicação, o seguidor questionou a PM por apoiar o presidente e o classificou como ‘macho escroto’. A cabo compartilhou a mensagem que recebeu em seu direct com seus 10,5 mil seguidores.

Após a publicação da policial acreana, o site ContilNet entrou em contato com Assessoria de Comunicação da Policia Militar do Estado do Acre, que afirmou para este colunista que as últimas postagens da cabo acreana Ligia Messias foram encaminhadas à corregedoria para averiguação de indícios de transgressão disciplinar ou crime, caso a verificação prévia, a policial militar poderá sofrer outros procedimentos administrativos.

Veja a nota na íntegra enviada ao ContilNet:

“A Cb Lígia já encontra-se respondendo procedimento por outro motivo, que já foi noticiado na mídia acreana. Quanto a essas últimas postagens, elas serão encaminhadas a corregedoria e, se após verificação prévia, for concluído que há indícios de transgressão disciplinar ou mesmo crime poderão vir a ser instaurados outros procedimentos administrativos. Ascom/PMAC”

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.