21.3 C
Rio Branco
30 junho 2022 9:21 am

Roberto Duarte denuncia abandono e sucateamento da unidade de segurança máxima Antônio Amaro Alves

POR ASCOM

Última atualização em 19/05/2022 12:18

O deputado estadual Roberto Duarte (Republicanos) denunciou, na Tribuna desta quarta-feira (18) na Assembleia Legislativa do Estado do Acre (Aleac), as péssimas condições de trabalho na unidade de segurança máxima Antônio Amaro Alves, localizada em Rio Branco (AC).

Na unidade, os policiais penais encontram-se literalmente abandonados pelo governo, enfrentando diversos problemas. O parlamentar recebeu diversas denúncias envolvendo a falta de aparelhos usados para a rotina de trabalho, como raio X e o scanner corporal, aumentando o risco de entrada de armas e materiais proibidos na unidade.

Além disso, o governo não renovou o contrato com a empresa de manutenção das torres que bloqueiam o uso de celular. Com as torres desligadas os detentos podem burlar o sistema e usarem celular. Outra questão é relacionada a água: o governo não paga a empresa que fornece água mineral há 8 meses, obrigando os policiais penais a racionarem o uso de água durante os plantões.

“Hoje estamos denunciando o sucateamento da segurança pública. Temos que dar condições dignas para os profissionais dos presídios. A rotina daqueles profissionais já é muito difícil, monitorando e convivendo com os detentos mais perigosos do estado. Precisamos de um novo governo, que tenha compromisso e responsabilidade com a vida dos policiais, do jeito que está não pode ficar”, declarou o deputado.

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Receba nossas notícias em seu email

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 6.095 outros assinantes

Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.