19.3 C
Rio Branco
29 junho 2022 7:27 am

Criança de 5 anos vence pneumonia grave no AC e mãe agradece médicos: “Salvaram a vida do meu filho”

POR SECOM

Última atualização em 18/06/2022 09:30

Depois de 22 longos dias internado com o diagnóstico de derrame pleural e pneumonia grave, o pequeno Gustavo Reis, de apenas 5 anos, recebeu alta médica do Hospital da Criança (HCamp), localizado no Instituto de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-Ac), e sua chegada em casa no último dia 16, foi carregada de emoção.”Agradeço a Deus e aos profissionais da saúde que salvaram a vida do meu filho. Não lhe faltou nada e não tenho do que reclamar sobre tratamento”, disse a mãe e dona de casa Reis Menezes.

A história de superação do Gustavo começou no dia 25 de maio, quando deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento do 2° distrito. Segundo a mãe, ele já apresentava desconforto abdominal há 40 dias e além da verminose, a criança tinha um quadro de anorexia, foi diagnosticada com derrame pleural e pneumonia grave. Foram seis dias em tratamento na Upa, até ser levado para o Pronto Socorro.

“Lá no PS, eles fizeram Raio-x do pulmão e verificaram que seria necessário pôr um dreno para a retirada de líquido, saiu muito pus de dentro dele. Passamos um dia lá e no outro fomos transferidos para o Hospital da Criança. Forneceram toda a medicação necessária, também foi acompanhado por vários profissionais, desde enfermeiros, à pediatras, fisioterapeuta e psicólogo, foi muito bem atendido graças a Deus”, relatou a mãe.

Gustavo ficou internado na ala semi Intensiva do Hospital da Criança. Foto: Cedida

Gustavo respondeu bem ao tratamento, nem os médicos acreditavam na sua evolução. A mãe relata que ele ainda precisou de bolsas de sangue para se recuperar. Na última segunda-feira, 13, foi transferido junto às outras crianças que estavam internada no Hospital da Criança para o Into, e lá finalizou seu tratamento.

“Eu não tenho muitas condições e durante todos esses dias, não precisei gastar um só centavo com nada. Gustavo recebeu alta com medicação suficiente até o seu retorno, quando deve passar por avaliação. Os médicos foram super atenciosos, agradeci demais quando sai de lá. Tive todo suporte necessário, eles literalmente salvaram a vida do meu filho e sou muito grata a tudo que fizeram por ele”, finalizou.

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Receba nossas notícias em seu email

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 6.087 outros assinantes

Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.