21.3 C
Rio Branco
29 junho 2022 1:04 am

Em nota, Governo lamenta morte de crianças por síndromes respiratórias no AC e lista ações para combate

"Lamentamos profundamente o falecimento das crianças ocorrido nas últimas semanas e prestamos nossa solidariedade às famílias enlutadas"

POR NANY DAMASCENO, DO CONTILNET

Última atualização em 08/06/2022 21:06

Após a informação repassada pela Secretaria de Saúde do aumento considerável de casos de síndromes respiratórias infantil, resultando na morte de nove crianças com idades entre 2 meses e 4 anos nos últimos dois meses, o Governo do Estado emitiu, na noite desta quarta-feira (8), uma nota pública sobre a situação.

A nota inicia lembrando que o Acre e outros 16 estados enfrentam um aumento dos casos de síndromes respiratórias que, em sua maioria, é causada pelo Vírus Sinsicial Respiratório (VSR).

“Não se trata de um vírus novo, mas que voltou a circular com maior agressividade, atingindo principalmente crianças menores de 5 anos, tornando-se grave naquelas com problemas de imunidade ou com comorbidades pré-existentes”, informa.

O Governo que tem trabalhado para combater a doença e lista algumas ações.

Confira a nota na íntegra

O Acre enfrenta, assim como outros 16 estados do país, um aumento dos casos de síndromes respiratórias que, em sua maioria, é causada pelo Vírus Sinsicial Respiratório (VSR).

Não se trata de um vírus novo, mas que voltou a circular com maior agressividade, atingindo principalmente crianças menores de 5 anos, tornando-se grave naquelas com problemas de imunidade ou com comorbidades pré-existentes.

O governo do Estado, através da Secretaria de Saúde (Sesacre), tem trabalhado com afinco e absoluta responsabilidade no combate à doença.

É importante destacar que nenhuma criança deixou de receber assistência nas unidades de saúde da capital e do interior e, diante do aumento de casos, foram redobradas as atenções nessas unidades, assim como o aumento de 10 unidades semi-intensiva no Hospital da Criança, além dos nove leitos de UTI.

Já no Pronto-Socorro da capital, além dos dois leitos de emergência pediátrica, estão em funcionamento oito leitos de observação e foram ampliados oito leitos na ala de clínica cirúrgica e quatro leitos na ala semi-intensiva, com possibilidade de aumentar, caso haja necessidade.

Lamentamos profundamente o falecimento das crianças ocorrido nas últimas semanas e prestamos nossa solidariedade às famílias enlutadas.

É importante destacar, porém, que a Secretaria de Saúde do Estado em momento algum deixou de dar assistência a nenhuma criança.

Cuidar das crianças tem sido nossa prioridade e esse cuidado também é uma determinação do nosso governador a todas as equipes. Temos uma equipe multidisciplinar, equipamentos e medicação necessária para dar suporte a quem busca por atendimento em nossas unidades.

Reforçamos ainda a importância da vacinação das crianças contra a influenza e, se possível, usem máscara como forma de prevenir novos casos. Pedimos a todos que redobrem os cuidados, uma vez que nesse período é importante dar maior atenção às nossas crianças e reforçar as medidas de prevenção à saúde.

Governo do Estado do Acre

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Receba nossas notícias em seu email

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 6.087 outros assinantes

Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.