24.3 C
Rio Branco
9 agosto 2022 8:07 am

Colégio Militar Tiradentes aprova 49 alunos na Universidade Federal do Acre

O colégio ofertou, no período de contraturno, um Pré-Enem para os estudantes do 3º ano

POR ASCOM

Última atualização em 01/07/2022 10:04

Ler, anotar, revisar e fazer simulados, essa é a rotina de muitos aprovados no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Esse ritual de estudo é cansativo, mas compensador, já que faz parte do caminho para exercer uma profissão. Diante disso, o governo do Acre, por meio do Colégio Militar Estadual Tiradentes (CMET) foi fundamental para a aprovação de 49 alunos na Universidade Federal do Acre (Ufac), na última edição, 2021.

Nesta quinta-feira, 30, muitos aprovados na Ufac foram recepcionados pela instituição, e alguns deles são egressos do Colégio Militar, uma escola que está fazendo a diferença na educação de muitos acreanos.

Alunos egressos do Colégio Militar Tiradentes. Foto: Dhárcules Pinheiro/Secom

O colégio ofertou, no período de contraturno, um Pré-Enem para os estudantes do 3º ano. O objetivo foi otimizar os estudos, aplicando uma metodologia que pudesse prepará-los para o ensino superior.

“A disciplina que tive no Colégio Militar foi essencial para meu êxito no Enem. Além disso, as aulas eram muito planejadas e foi isso que permitiu um maior desenvolvimento das minhas habilidades”, disse a recém-aprovada em Engenharia Civil, Sarah Santos.

A estudante destacou, ainda, que a equipe do Colégio Militar é extremamente atenciosa no que concerne à educação superior, e sempre procurou ajudar os alunos a ter êxito na vida.

“O processo de estudo da Sarah foi tranquilo, e minha filha sempre foi muito dedicada. No Colégio Militar ofertavam disciplinas que direcionavam os estudos e otimizavam o aprendizado de todos os alunos”, lembrou Rogéria Gadelha, mãe de Sarah.

Recém aprovada em Engenharia Civil, Sarah Santos. Foto: Dhárcules Pinheiro/Secom

A motivação contínua dos alunos, e o empenho dos coordenadores, professores e supervisores militares foi primordial para trabalhar na inteligência emocional, preparação e superação das dificuldades antes, durante e depois da prova.

“Duas vezes na semana, à noite, eu reservava um tempo para treinar os textos da redação, relembrando a estrutura e alguns tópicos que poderiam me ajudar a construí-la”, relatou Eduardo Magnabosco.

O calouro de Psicologia disse, ainda, que a rotina sempre foi intensa e, mesmo assim, destinava um tempo para descansar.

Todo participante que pretende ser aprovado no Enem conhece o quanto a prova exige muitas aptidões dos candidatos, e elas se desdobram em quatro áreas de conhecimentos: linguagens e suas tecnologias, ciências humanas e suas tecnologias; ciências da natureza e suas tecnologias; e matemática e suas tecnologias, que somam 180 questões objetivas, mais a redação, que demanda o desenvolvimento de um texto dissertativo-argumentativo, a partir de uma temática específica.

Lília Paixão, recém-aprovada em Direito. Foto: Dhárcules Pinheiro/Secom

“Para ser aprovada em Direito eu abdiquei de muitas coisas, mas isso foi essencial. Não foi fácil o percurso até aqui, contudo estou contente e sou grata pelos meus professores que foram incríveis, e pelo coronel Agleison Alexandrino, que acompanhou nossa caminhada”, afirmou Lília Paixão, aprovada em Direito.

“É uma imensa alegria ver que tem muitos profissionais compromissados com o ensino-aprendizagem, e o Colégio Militar resgatou muitos valores, e posso ver isso como mãe e educadora”, destacou Ruthnélia Cordeiro Paixão, mãe de Lília.

A mãe disse que o ensino público no colégio é bom e conta com uma equipe pedagógica qualificada, e tudo isso facilitou na aprovação da Lília.

“Em 2021 as aulas do Pré-Enem eram transmitidas pelo GoogleMeet e após as aulas eu estudava por conta própria. A rotina era intensa, mas, no tempo livre, gostava de ler livros de literatura e isso me ajudava nas provas e no Enem”, disse Pedro Enzo Santos.

As vagas

O Edital n°17/2022, da Pró-Reitoria de Graduação (Prograd), da Universidade Federal do Acre, destinou 380 vagas em cursos de graduação no campus Rio Branco.

Os cursos são de bacharelado em Engenharia Civil, Agronomia, Engenharia Florestal, Direito, Psicologia, Enfermagem, Economia, e licenciaturas em Português, Francês, História, Geografia, Física, Matemática e Ciências Biológicas.

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.