21.3 C
Rio Branco
25 julho, 2021 3:30 am

Britney Spears perde ação para retirar do pai comando de sua carreira

POR CORREIO BRAZILIENSE

A solicitação de Britney Spears para retirar a tutela de sua carreira do pai, Jamie Spears, foi negada por um tribunal em Los Angeles, na Califórnia. A audiência foi realizada na última terça-feira (10). No entanto, a juíza Brenda Penny não descartou que pode haver futuras petições para remoção ou suspensão da tutela, segundo a revista Variety.

Ainda conforme a revista, o advogado da cantora, Samuel D. Ingham III, disse na audiência que Britney tem medo do pai e que não vai voltar a se apresentar enquanto não recuperar o controle de sua carreira. A última apresentação pública da artista foi em outubro de 2018.

“Minha cliente me informou que tem medo do pai. Ela não vai se apresentar novamente se o pai dela estiver no comando de sua carreira”, revelou o advogado em audiência.

A mãe de Britney, Lynne Spears, também pediu para que Jamie Spears se afastasse dos negócios da filha. Os dois foram casados de 1975 a 2002. Em agosto, Lynne e Jamie Lynn Spears, irmã de Britney, apoiaram o movimento nas redes sociais chamado #FreeBritney, em que fãs da cantora pedem por liberdade para que ela recupere o controle da carreira.

A advogada de Jamie Spears, Vivian Thoreen, alegou que, sob o comando de seu cliente, o patrimônio líquido da cantora saiu de um cenário de dívidas para US$ 60 milhões (cerca de R$ 324 milhões). O pai de Britney se tornou tutor da artista em 2008, quando ela foi internada para tratamento psiquiátrico. Em entrevista ao Page Six, Jamie chamou o movimento #FreeBritney de piada e disse que cabia ao Tribunal da Califórnia julgar o caso. [Capa: Valerie Macon/AFP]

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.