Rio Branco, Acre,


Cabo da PM é agredido em boate após confusão envolvendo capitão e policial penal

O capitão da PM que estaria com o policial penal teria ido para cima do cabo e o agredido, haja vista que a vítima estava com o celular filmando todo o ocorrido

Um cabo da Polícia Militar de 36 anos foi socorrido para o hospital João Paulo II após ser agredido na madrugada deste domingo (06) em uma boate na Avenida Calama, bairro São João Bosco, região Central de Porto Velho (RO). A confusão generalizada envolveu um capitão da PM e também um policial penal. Ninguém foi preso.

As informações obtidas pelo Rondoniaovivo dão conta de que durante a diversão na boate um policial penal teria se desentendido com outro frequentador do ambiente. Em meio ao bate-boca, o policial penal teria sacado uma pistola

Nesta hora, o cabo da PM foi para cima e conseguiu tomar a arma do policial penal. A partir daí houve confusão generalizada e um capitão da PM que estaria com o policial penal teria ido para cima do cabo e o agredido, haja vista que a vítima estava com o celular filmando todo o ocorrido.

O cabo da PM na sequência ainda foi agredido na cabeça com uma muleta usada por um dos envolvidos na briga. Lesionado, o militar foi socorrido ao hospital João Paulo II. Uma equipe da Polícia Militar foi até a boate, mas não encontrou os outros envolvidos no caso.

A ocorrência foi registrada no 1° DP e a Polícia Civil segue na apuração.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up