31 C
Rio Branco
12 abril, 2021 5:15 pm

Promotor diz que no Acre, dois a cada três exames para covid-19 têm resultado positivo 

POR SAIMO MARTINS, DO CONTILNET

O promotor Gláucio Oshiro, da Promotoria Especializada de Defesa da Saúde do Ministério Público do Acre (MP-AC), divulgou que os dados da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre) que apontam que 57% dos exames que detectam o vírus do coronavírus deram positivo.

“Nós chegamos ao pico da pandemia nessas últimas 34 semanas e observamos que 57% dos testes de covid deram positivo, Isso significa dizer que, a cada três, dois atestaram positivo padrão RT-PCR. Temos um cenário delicado”, ressaltou.

De acordo com o promotor de saúde, houveram 227 mortes em apenas 9 semanas de 2021. O especialista alertou que nos próximos meses a situação caótica no sistema de saúde deve ser crítico. “Nós teremos um semestre muito duro, não tenhamos esperança que esse cenário venha mudar no decorrer de março e abril”, comentou.

Oshiro citou que os motivos que devem tornar o ‘semestre difícil’, é devido um levantamento feito pelo InfoGripe da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), mostram que os todos os vírus respiratórios começam a agir no fim de janeiro, atingido o pico no fim de março e início de abril.

Abertura do comércio

Segundo ele, quando o Comitê de Acompanhamento da Covid-19 decidiu optar pela regressão de bandeira vermelha em todo o território do Acre em fevereiro, havia a perspectiva de redução de contato, fato que não existiu, o motivo, a falta de contribuição da população. Com isso, foi decidido pela abertura das atividades, no entanto, a expectativa não é das melhores. “O retorno de atividades comerciais não vem dando certo no país. A reabertura pode causar mais óbitos no primeiro semestre”, ressaltou.