22.3 C
Rio Branco
18 junho, 2021 1:55 am

Brutalmente assassinada: Raul Gazolla desabafa sobre morte de Daniella Perez e detalhes chocam

A atriz foi assassinada em 1992 por Guilherme de Pádua, e Raul Gazolla contou como seguiu sua vida sem a esposa

POR MAIS NOVELA

O ator Raul Gazolla deu uma entrevista ao amigo Nelson Freitas, para o quadro Pessoas Incríveis e Extraordinárias, no canal do Youtube. O humorista interpretou diversos personagens no Zorra Total, bem como em novelas da Globo, e convidou Raul para o sexto episódio de seu programa na internet.

Nesse sentido, Raul Gazolla recordou um dos piores momentos de sua vida, que foi perder a companheira Daniella Perez, vítima de um assassinato executado por Guilherme de Pádua, em 1992.

“Foi um momento de guinada na minha vida e de muita superação. Você não passa por esse momento sozinho. Antes de colocar os pés no chão, tinha dois caminhos a seguir, um louco, psicopata, querendo vingança a qualquer custo ou ir para uma espécie de religiosidade, monte budista, mas voltar ao normal não dava. Minha mãe e meus amigos foram essenciais para poder voltar ao mundo real”, disse Raul, que se emocionou ao lado de Nelson.

Ele ainda comentou sobre Glória Perez, mãe de Daniella, ter ajudado bastante no luto e no processo de superação da morte de sua filha:

“Perdi a minha mulher, mas ela perdeu uma filha de 22 anos e escrevendo a novela que a Dani estava (‘De Corpo e Alma’) e assassinada por um outro ator que contracenava com ela. Glória dizia que íamos passar por isso juntos e passamos. Você pode perder tudo, menos filho. A minha filha a chama de ‘vó’. Fui para Goiânia e o porteiro do hotel me falou que sofreu muito comigo, na época, e me pediu um abraço. Eu dei como se estivesse abraçando o povo brasileiro que se comoveu naquele momento. O carinho que tive das pessoas, a solidariedade foi muito importante.”

Daniella Perez tinha apenas 22 anos na época em que foi brutalmente assassinada. Guilherme de Pádua chegou a dar 18 golpes de punhal na atriz, e o crime foi arquitetado pela sua mulher, Paula Nogueira Thomaz.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.