26.3 C
Rio Branco
8 junho, 2021 6:57 pm

Submundo Podcast encerra atividades após ataques homofóbicos a acreano e pede desculpas nas redes

Lucas chegou a ser expulso de casa pelo próprio pai depois que registrou uma denúncia contra o programa e seus integrantes

POR EVERTON DAMASCENO, DO CONTILNET

O Submundo Podcast, programa em que o acreano Lucas Lima, de 19 anos, foi vítima de ataques homofóbicos, foi desativado por seus membros no Acre nesta sexta-feira (5).

SAIBA MAIS: ‘Gayzinho’: Humoristas acreanos fazem trote com blogueiro e caso pode parar na Justiça

A decisão foi publicada em nota e divulgada pelo grupo, que pediu desculpas pelo ocorrido e reconheceu o erro.

Lucas tem apenas 19 anos/Foto: Reprodução/Instagram

Lucas chegou a ser expulso de casa pelo próprio pai depois que registrou uma denúncia contra o programa e seus integrantes, que lhe chamaram de “gayzinho”.

“O Submundo Podcast vem a público pedir sinceras desculpas por todas as palavras que ofenderam e chegaram a prejudicar Lucas, e de igual forma, Pablo Charife e toda comunidade LGBTQIA+. Reconhecemos nosso erro e arcaremos com todas as consequências”, diz um trecho.

“Informamos que em virtude de todo ocorrido, encerremos nossas atividades”, continua.

O caso repercutiu nas redes sociais. Amigos e familiares de Lucas pediram justiça após o ocorrido. O grupo também já surgiu em outra programa com comentários ofensivos a um indígena e falando da sexualidade do governador Gladson Cameli.

CONFIRA A NOTA NA ÍNTEGRA.