20 de fevereiro de 2024

Filho interrompe velório da mãe após notar marca de violência no corpo

Marilene dos Santos apresentava marcas de violência na cabeça, no nariz e nos lábios; filho chamou a polícia ao perceber a situação

Reprodução colorida de Marilene dos Santos

Reprodução/TV Globo

Um velório de uma mulher de 53 anos foi interrompido pelo filho, em Iracá, na Bahia, após o filho perceber marcas de violência no corpo da mãe.

Conforme apuração da equipe de reportagem da TV Subaé, afiliada da TV Bahia na região, Marilene dos Santos (foto em destaque) apresentava marcas de violência na cabeça, nariz e nos lábios. O corpo dela foi levado para o Departamento de Polícia Técnica de Feira de Santana para necrópsia.

Ela seria enterrada no último domingo (29/10). O filho, identificado como Kauã Martins, acionou a Polícia Civil assim que percebeu as marcas de violência. Ele disse que a mãe foi internada, na noite de sábado (28/10), no Hospital Municipal de Irará com o quadro de Acidente Vascular Cerebral (AVC). Logo depois, Marilene morreu.

De acordo com Kauã Martins, Marilene saiu com o namorado no sábado, pouco antes de ser internada.

No entanto, segundo familiares e amigos de Marilene, após a morte dela, o companheiro desapareceu e até então não foi encontrado para falar sobre caso. Além disso, ele teria bloqueado o número de telefone da vítima.

PUBLICIDADE