28 de maio de 2024

Eduardo Leite diz que doações ao RS geram ‘preocupações sobre impactos aos comércios locais’

Governador destacou desafios em meio ao estado de calamidade após temporais devastadores no Rio Grande do Sul

Em entrevista ao programa É da Coisa com Reinaldo Azevedo nesta segunda-feira (14), na Band News, o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), afirmou que existe uma preocupação sobre as doações feitas ao estado impactarem o comércio local

O Rio Grande do Sul está em estado de calamidade depois que grandes temporais afetaram mais de 440 municípios das 497 cidades gaúchas. As enchentes deixaram cidades submersas, 149 mortos e mais de 538.000 pessoas desalojadas. Quase 80.000 estão em abrigos.

Foto: Reprodução/Band

Com casas de baixo d’água há dias, diversas mobilizações populares para doações de itens essenciais foram criadas e ganharam adesão por todo o Brasil. Muitos perderam tudo, como roupas, eletrodomésticos, móveis e até mesmo remédios.

Diante da situação, a própria população afetada vem fazendo apelos publicamente para que, quem puder, ajude com doações, seja em dinheiro ou itens necessários. O governador justifica que “não está desprezando” as doações, mas que “quando você tem um volume tão grande de doações físicas chegando ao estado, há um receio (…) sobre o impacto que isso terá no comércio local”.

“O comércio, impactado também, e o reerguimento dele fica dificultado a medida que você tem uma série de itens que estão vindo de outros lugares do país”, completa.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost