Blaze, Jogo do Tigrinho e mais: veja 6 golpes online que marcaram 2023

Renda fácil, investimentos lucrativos e até 'benefícios falsos do governo" estão entre as promessas dos golpistas nas fraudes mais comuns do ano; saiba como se proteger

O ano de 2023 foi marcado por golpes virtuais variados e perigosos. Plataformas que prometem lucros fáceis — como a Blaze e o seu Jogo do Aviãozinho ou o Jogo do Tigre — foram alguns dos casos de maior repercussão e, mesmo com as denúncias contra elas, continuam sendo utilizadas pelos usuários até hoje. Já outras artimanhas falsificam sites e aplicativos do Governo Federal e, com isso, tentam roubar dinheiro e dados pessoais das vítimas. Golpes do Pix e casos de phishing também aparecem na lista, que ainda conta com fraudes feitas por meio de inteligência artificial (IA). A seguir, veja seis golpes online que marcaram 2023 e saiba como se proteger.

Lista reúne seis tipos de golpes virtuais que marcaram o ano de 2023 — Foto: Reprodução/Canva

Lista reúne seis tipos de golpes virtuais que marcaram o ano de 2023 — Foto: Reprodução/Canva

1. Blaze, Jogo do Tigre e outros apps que prometem dinheiro fácil

A Blaze e o Fortune Tiger são plataformas de jogos de azar que ganharam bastante popularidade em 2023. A atividade é ilegal, mas atrai muitos usuários com a promessa de dinheiro rápido e fácil — na prática, contudo, as chances de ficar no prejuízo acabem sendo maiores que as de lucrar. O Jogo do Aviãozinho e o Jogo do Tigre, oferecidos respectivamente pelos sites, funcionam de maneira bastante similar. No primeiro caso, o jogador precisa acompanhar o voo de um avião e decidir o momento de parar a aeronave para garantir os ganhos prometidos. Já no Jogo do Tigre, é necessário fazer a combinação de três figuras iguais em três fileiras para ganhar um prêmio em dinheiro.

O problema é que as chances de lucro oferecidas são questionáveis e, mesmo quando os usuários ganham recompensas no site, muitos não chegam a receber as quantias prometidas. No momento, as plataformas estão sendo investigadas pelo Governo, assim como os influenciadores que fizeram propaganda da Blaze e do Jogo do Tigre.

Fortune Tiger é um jogo de azar que viralizou nas redes sociais; confira riscos da plataforma — Foto: Divulgação/Fortune Tiger

Fortune Tiger é um jogo de azar que viralizou nas redes sociais; confira riscos da plataforma — Foto: Divulgação/Fortune Tiger

Outros exemplos de fraudes por meio de aplicativos se aproveitam de serviços legítimos para enganar os consumidores. É o caso do app Subway Pay, uma versão modificada do jogo Subway Surfers que promete recompensas para aqueles que coletarem as moedas no game. Também foram casos marcantes neste ano o Avaliador Premiado — que alega remunerar avaliações de looks mediante pagamento de uma “taxa de assinatura” —, o site Sistema Netflix — que afirma pagar até R$ 200 por dia para quem assistir a séries e filmes por meio da plataforma de acesso pago — e o InstaMoney — software pago que supostamente garante lucros de até R$ 200 para usuários curtirem publicações no Instagram.

Para evitar prejuízos como esses, é recomendável suspeitar de promessas de ganho fácil e pesquisar a procedência dos serviços antes de realizar cadastro em qualquer tipo de endereço. Também é prudente baixar apenas aplicativos disponíveis em lojas oficiais, como a Google Play Store e a App Store. Além disso, quem gosta de jogar em casas de apostas esportivas — que são legais — deve tomar cuidado redobrado ao clicar em anúncios dessas plataformas. Isso porque o Fortune Tiger e outros tipos de cassinos ilegais têm invadido sites do governo e redirecionado a propaganda das empresas verdadeiras para suas próprias URLs. Por isso, sempre que for entrar em um serviço que envolva gasto e recebimento de dinheiro, é importante checar se o link acessado é de fato o oficial.

2. Golpes do Pix

Os golpes do Pix têm afetado diversos usuários desde a popularização da ferramenta de transferência virtual. Um dos truques mais comuns é o Golpe da Mão Fantasma, que ocorre quando o criminoso invade o aparelho da vítima e troca o destinatário do Pix sem que o usuário perceba. A fraude já é conhecida, mas, em 2023, os criminosos sofisticaram o golpe, permitindo a troca dos dados de maneira automática.

Para evitar cair nesse tipo de truque, é fundamental instalar um bom antivírus no celular e não fazer download de aplicativos que não estão disponíveis nas lojas oficiais, como o WhatsApp GB e o TikTok +18, por exemplo — já que essa é a forma mais comum de implantação de malwares no sistema. Além disso, é recomendado manter o smartphone atualizado, para manter o nível de segurança no modo mais elevado. Com essas camadas de proteção adicional, os criminosos têm mais dificuldade de invadir o aparelho e aplicar o golpe da mão fantasma ou outras formas de fraude comuns, como a clonagem de WhatsApp. Nessa modalidade, os criminosos se passam pela vítima para pedir dinheiro aos contatos.

Em 2023, os golpes do Pix ficaram cada vez mais sofisticados; agora, criminosos podem redirecionar transferências automaticamente — Foto: Mariana Saguias/TechTudo

Em 2023, os golpes do Pix ficaram cada vez mais sofisticados; agora, criminosos podem redirecionar transferências automaticamente — Foto: Mariana Saguias/TechTudo

3. Golpe do saque social e outros programas do Governo

Em 2023, também surgiram muitas fraudes virtuais que visavam confundir os beneficiários de ações sociais do Governo Federal. É o caso do golpe do saque social, que consiste em prometer acesso a auxílio, supostamente disponibilizado pelo governo, mediante pagamento de taxa — que pode variar entre R$ 40 e R$ 100. Além do prejuízo, já que o benefício não existe, as vítimas acabam compartilhando seus dados em sites suspeitos. A fraude é bem elaborada e conta com vídeos convincentes em canais do YouTube e outras redes sociais, com depoimentos de pessoas que alegam ter participado do esquema.

Golpistas também estão utilizando o “Voa Brasil”, programa verídico, mas que ainda nem foi lançado oficialmente, para aplicar fraudes pelas redes sociais. A iniciativa pública, que pretende disponibilizar passagens aéreas com valores mais acessíveis, é usada como mote para roubar dinheiro, dados pessoais e informações bancárias. Antes de realizar qualquer tipo de cadastro em programas de benefício, portanto, o usuário deve checar as informações nos sites e aplicativos oficiais do governo.

4. Segunda via de contas

Outra fraude que marcou o ano de 2023 foram sites falsos para a emissão de segundas vias de contas como água e energia. Essas páginas fraudulentas utilizam indevidamente o nome, a marca e a identidade visual das empresas públicas para enganar usuários mais desatentos. As URLs ainda costumam ser patrocinadas, e, assim, aparecem no topo dos resultados de busca do Google — o que aumenta o índice de cliques nos sites fraudulentos. Acreditando que se trata de páginas oficiais de serviços de luz, água e gás, as vítimas são induzidas a realizar pagamentos de documentos falsificados via Pix. Com isso, além do prejuízo financeiro, acabam expondo dados pessoais — e suas contas reais seguem em aberto.

Sites e boletos falsos podem ser usados em golpes envolvendo serviços básicos, como água e luz — Foto: Reprodução/Canva

Sites e boletos falsos podem ser usados em golpes envolvendo serviços básicos, como água e luz — Foto: Reprodução/Canva

Criminosos também podem direcionar as vítimas para uma conversa via WhatsApp, prometendo envio da segunda via do boleto. Os bandidos se passam por robôs de autoatendimento e, na sequência, usam a mesma técnica para obter os dados pessoais das vítimas. Para evitar a artimanha, o ideal é buscar os boletos diretamente nos sites e aplicativos oficiais dos serviços. Também é importante checar a grafia dos endereços online para confirmar se o site é seguro ou falso. Na dúvida, vale utilizar uma ferramenta checadora de URL, como o Relatório de Transparência do Google.

5. Phishing

O phishing já é um tipo de golpe conhecido na Internet, mas que continua fazendo vítimas. A fraude consiste em roubar dados pessoais e financeiros por meio de links maliciosos enviados diretamente para o usuário por meio de e-mail, SMS ou WhatsApp. As abordagens costumam estar atreladas a falsas promoções e ofertas de produtos e serviços, mas os criminosos podem oferecer até mesmo vagas mentirosas de emprego.

Para evitar o golpe, é recomendado checar os descontos, vagas ou outras vantagens prometidas pelas mensagens nas fontes oficiais das empresas citadas e evitar clicar em links estranhos ou enviados por remetentes desconhecidos. Vale lembrar que mensagens encaminhadas por contatos cadastrados também podem conter fraudes, que podem ser fruto de contas hackeados.

Pishing é um dos principais tipos de golpe virtuais, que fez muitas novas vítimas em 2023 — Foto: Reprodução/Canva

Pishing é um dos principais tipos de golpe virtuais, que fez muitas novas vítimas em 2023 — Foto: Reprodução/Canva

6. Golpes com IA

Com a popularização das ferramentas de inteligência artificial (IA), também se intensificaram os golpes usando a tecnologia em 2023. Além do uso de chatbots como o ChatGPT ou o Bard para redigir mensagens e e-mails falsos mais convincentes, tecnologias de deepfake também passaram a ser utilizadas para simular a voz e a imagem de terceiros. Um dos casos mais polêmicos envolveu a americana Jennifer DeStefano, que recebeu uma ligação na qual criminosos supostamente clonaram a voz de sua filha e pediram resgate do falso sequestro.

Com inteligência artificial, já é possível aplicar golpes com clonagem de voz — Foto: Reprodução/Canva

Com inteligência artificial, já é possível aplicar golpes com clonagem de voz — Foto: Reprodução/Canva

Para prevenir esse tipo de golpe, é indicado evitar o compartilhamento de áudios, fotos e vídeos com desconhecidos, para que réplicas indevidas não aconteçam. Também é recomendado observar se o material recebido, seja via texto, áudio, foto ou vídeo, parece robótico. Para checar se um conteúdo foi criado por IA, deve-se observar se há movimentos estranhos ou tom de voz monótonos, sem entonações típicas ou vícios de linguagem, por exemplo.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost

Blaze, Jogo do Tigrinho e mais: veja 6 golpes online que marcaram 2023