17 de junho de 2024

Acreanos que estão foragidos em Mossoró já tentaram escapar de presídio em Rio Branco

A tentativa de fuga foi registrada em 2013, no Complexo Penitenciário Francisco de Oliveira Conde

Os dois detentos acreanos que escaparam do Presídio Federal de Mossoró, no Rio Grande do Norte, na manhã da última quarta-feira (14), já teriam tentado escapar juntos de um presídio no Acre.

Os dois fugitivos foram transferidos do Acre em 2023/ Foto: Cedida

A tentativa de fuga foi registrada em 2013, no Complexo Penitenciário Francisco de Oliveira Conde, em Rio Branco. Os documentos nos quais constam a tentativa frustrada de fuga foram obtidos pela GloboNews.

Segundo informações, eles utilizaram pedaços de grades e lençóis e improvisaram uma escada para tentar fugir pelo teto do complexo penitenciário.

Eles tentaram fugir no presídio de Rio Branco com 2013/ Foto: Reprodução/GloboNews

A fuga foi frustrada por agentes penais que perceberam a movimentação nas celas. Nas imagens contidas nos documentos é possível ver o buraco feito pelos criminosos nas grades das celas.

A fuga em Mossoró

Os fugitivos foram identificados como Rogério da Silva Mendonça e Deibson Cabral Nascimento, também conhecido como “Tatu” ou “Deisinho”. Os dois teriam fugido da penitenciária, por uma abertura do teto da cela, durante o banho de sol dos detentos.

Esta é a primeira fuga registrada na história do sistema penitenciário federal, que conta com cinco presídios de segurança máxima em cinco estados (Paraná, Mato Grosso do Sul, Rondônia, Distrito Federal e Rio Grande do Norte).

Em nota, a Secretaria Nacional de Políticas Penais do Ministério da Justiça (Senappen) informou que as obras de reforma do presídio podem ter favorecido a fuga de dois presos, já que as regras da cadeia são rigorosas.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost