29 de maio de 2024

Brasileiros sentem mais tesão beijando amantes, diz pesquisa

Levantamento afirma que 67% raramente ficam excitados ao beijar o(a) parceiro(a), enquanto 78% sentem tesão ao beijar o(a) amante

“Expectativa é igual paçoca, do nada esfarela tudo”. O ditado pode resumir a descoberta de uma pesquisa feita pela plataforma de encontros casuais Gleeden. Segundo o levantamento realizado com os usuários, entre os brasileiros é mais comum ficar excitado ao beijar um amante do que o parceiro.

Enquanto 67% dos entrevistados admitiram que raramente se sentem excitados com um beijo do(a) parceiro(a), 78% afirmam que sentem muito tesão ao beijar o(a) amante.

Além disso, 85% dos usuários dizem que beijam apaixonadamente os (as) seus (suas) amantes e apenas 52% o fazem com seus (suas) parceiros (as).

“Esses dados colaboram com o fato de que 42% dos entrevistados afirmam que não há mais paixão em seu relacionamento oficial, e isso faz com que não tenham tanto ânimo para o beijo”, afirma Silvia Rubies, diretora de omunicação e Marketing para a América Latina do Gleeden.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost