Marcus e Neri relatam famílias atingidas pela enchente e Tião caminha no parque


Seguidores de Tião resolveram ironizar a postagem e comentaram: "Pelo menos aí ainda não precisa usar canoa"

THALIS GUTIERRES, DA CONTILNET

A manhã desta quarta-feira (14) foi marcada por imagens de casas tomadas pela enchente, ruas interditadas, móveis destruídos e bens materiais completamente alagados. Após a intensa chuva que atingiu a Capital acreana nesta terça-feira, as lideranças políticas de Rio Branco precisaram acordar cedo para contabilizar os estragos gerados pela tempestade.

A vice-prefeita Socorro Neri, que deve assumir a prefeitura de Rio Branco caso Marcus realmente saia candidato ao Governo, relatou em seu perfil no Facebook números a respeito do fenômeno natural que estragou a última noite de Carnaval de muitos moradores da Capital.

Postagem de Neri no Facebook

Neri revelou que em fevereiro o previsto era que 280 milímetros de chuva atingissem Rio Branco, porém, somente nesta terça-feira, quase 278 milímetros foram registrados pelos institudos especializados em meteorologia. Neri compartilhou uma imagem de Marcus Alexandre rodeado de moradores das áreas mais carentes de Rio Branco, onde o prefeito ouvia relatos dos momentos vividos pelas famílias durante a chuva.

ENQUANTO ISSO

A grande dúvida de alguns internautas acreanos é se o governador Tião Viana realmente ainda estaria morando em Rio Branco, visto que, mesmo após o caos gerado pela tempestade que atingiu a Capital na última noite de Carnaval, o líder maior do Estado utilizou seu perfil no Facebook apenas para parabenizar os policiais militares pelo serviço realizado durante todos os dias de festa e anunciar que acabara de fazer “uma agradável caminhada no parque”.

Postagem de Tião Viana no Facebook

Questionando as prioridades do governador, alguns seguidores de Tião resolveram ironizar a postagem e comentaram: “Pelo menos aí ainda não precisa usar canoa”.

Outros “fãs” de Viana pediram que ele tivesse bastante cautela, pois o local escolhido para caminhada não seria muito seguro: “Cuidado com o assalto nessas bandas aí, hein..”

comentários

Outras Notícias

Veja Também