Rio Branco, Acre,


Após nova avaliação, Acre avança da fase laranja para a amarela; entenda

Nível de risco agora é de Atenção. Queda no número de mortes e internações motivaram a decisão

O governo do Acre, por meio do Comitê de Acompanhamento Especial da Covid-19, anunciou na tarde desta quarta-feira (5) que todo o estado avançou da fase de Alerta para Atenção em relação à pandemia de coronavírus.

O nível de risco no qual o Acre se encontra agora é representado pela bandeira amarela.

PUBLICIDADE

LEIA MAIS: Restaurantes, igrejas e cinema: veja o que volta a funcionar no Acre, em fase amarela

O período analisado para se obter a nova classificação foi de 19 de julho a 1º de agosto. Uma nova avaliação acontecerá no próximo dia 19 para saber se o estado permanece, avança ou retrocede de faixa.

Existem quatro níveis de risco, cada um deles representado por cores: Emergência (vermelha), Alerta (laranja), Atenção (amarela) e Cuidado (verde).

Como funciona

Para saber se determinada região do Estado está apta a avançar de um campo a outro, deve ser observada três grupos de indicadores: contaminação, responsabilidade social e capacidade do sistema de saúde.

O primeiro requisito envolve números referentes à quantidade de novos contaminados, novas internações e novos óbitos. O segundo, de responsabilidade direta da população, leva em conta o isolamento social. Por fim, deve-se observar as taxas de ocupação dos leitos de UTI e leitos clínicos, além do índice de notificações.

Nesta quarta, 44% das 90 UTIs para pacientes com covid-19 estão ocupados. No auge da pandemia, quando a oferta de leitos era menor, o estado chegou a registrar fila de espera. Já o índice de ocupação das enfermarias comuns é de 42%. O governo comemora o aumento da capacidade.

Histórico

A análise divulgada é a quarta já realizada desde a apresentação do Pacto Acre Sem Covid, no dia 22 de junho. Nas duas primeiras consultas, o estado ficou no nível de Emergência (vermelho), apenas com os setores essenciais abertos.

No dia 21 de julho, duas das três regionais de saúde, a do Alto e Baixo Acre, avançaram para a fase laranja (Alerta), o que possibilitou a retomada de algumas atividades não essenciais, porém com restrições. Naquela ocasião, a regional do Juruá continuou no vermelho.

No Acre, são três regional de saúde:

– Alto Acre, representada pelos municípios de Assis Brasil, Brasileia, Epitaciolândia e Xapuri;

– Baixo Acre: Acrelândia, Bujari, Capixaba, Jordão, Manoel Urbano, Plácido de Castro, Porto Acre, Rio Branco, Santa Rosa do Purus, Sena Madureira e Senador Guiomard;

– Juruá: Cruzeiro do Sul, Feijó, Mâncio Lima, Marechal Thaumaturgo, Porto Walter, Rodrigues Alves e Tarauacá.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up