23.3 C
Rio Branco
2 agosto 2021 12:06 am

Petecão leva afastamento do juiz Giordane Dourado para o Senado Federal

POR EVERTON DAMASCENO, DO CONTILNET

Durante a sabatina com o futuro membro do Supremo Tribunal Federal, Kássio Nunes, o senador pelo Acre, Sérgio Petecão (PSD), levou para a ocasião o afastamento do juiz Giordane Dourado da 9ª Zona Eleitoral de Rio Branco, no Acre.

“Desembargador, um fato aconteceu no meu estado e gostaria que o senhor me falasse qual o seu entendimento da situação. Um juiz eleitoral foi afastado porque sua esposa trabalhava no gabinete de um deputado estadual que agora disputa as eleições para prefeito, mas ela já trabalhava no gabinete durante anos. Diante disso a Justiça entendeu que tinha que afastar o juiz porque a esposa dele trabalhava pro candidato. Quero saber o que o senhor pensa sobre isso”, questionou o senador.

Giordane foi afastado após decisão do Tribunal de Justiça do Acre (TJAC), depois que a corte entendeu que o fato de Claudia Pinho Dourado, esposa do magistrado, trabalhar na coordenação da campanha de Roberto Duarte, candidato a prefeito de Rio Branco, poderia causar interferência no pleito de 2020.

O magistrado comentou a repercussão do caso no Senado Federal.

“O meu afastamento da jurisdição eleitoral foi comentado na sabatina no Senado do futuro ministro do STF Kassio Nunes. Estou agora esperando o TRE/AC decidir com urgência sobre o caso, já que fui afastado por decisão monocrática, e não por ato da Corte Eleitoral”, disse o magistrado.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.