19.3 C
Rio Branco
29 julho 2021 7:23 pm

Roberto Duarte pede que Governo olhe com atenção para a manifestação dos policiais penais

"Eles estão reivindicando o que lhes são de direito: o soldão, a lei orgânica – que está há algum tempo para vir para a ALEAC e está cheia de erros e vicios, além de alguns retroativos", disse o deputado

POR ASCOM

O deputado estadual Roberto Duarte se posicionou a favor dos policiais penais que estão realizando uma manifestação, hoje, em frente à Assembleia Legislativa e do Palácio do Governo.
“É mais uma manifestação de tantas que estão acontecendo em nosso estado, por falta única e exclusivamente de gestão e planejamento por parte do Governo do Estado do Acre. Eles estão reivindicando o que lhes são de direito: o soldão, a lei orgânica – que está há algum tempo para vir para a ALEAC e está cheia de erros e vicios, além de alguns retroativos. Peço uma atenção especial para esta manifestação. Só não estou presente porque estou cumprindo agenda em Feijó”, citou Duarte.

Gabinete móvel do deputado Roberto Duarte,

GABINETE MÓVEL – O parlamentar está em Feijó, em seu Gabinete Móvel, e durante a sessão da ALEAC, aproveitou para dar voz às reivindicações da população. “Quase todas as pessoas que eu atendi hoje aqui reclamaram das péssimas condições do Hospital de Feijó. Uma das primeiras ações como deputado estadual foi visitar esta unidade hospital e reivindicar melhorias. Nada aconteceu até hoje. E preciso reconstruir este hospital”, pontuou Roberto Duarte.
Além disto, o deputado estadual, destacou que falta gestão, também, em relação às situações de segurança pública em Feijó. “Quando os moradores acionam o telefone de emergência 190, as chamadas são atendidas em Rio Branco, que repassam para Tarauacá e a polícia ou Bombeiros de Feijó são acionados via whatsApp. É desumano. Não é culpa dos policiais, mas do sistema implementado”, destacou Roberto Duarte.
Após a sessão da Assembleia Legislativa, Roberto Duarte realizou uma visita ao Hospital de Feijó juntamente com o senador Marcio Bittar e o deputado estadual Cadmiel Bomfim e conversou com os servidores da saúde que estão em greve. “Mais uma vez, farei as reivindicações junto aos órgãos competentes”,  disse.
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.