20.3 C
Rio Branco
23 maio 2022 1:47 am

Marina Silva diz que “mantém diálogo aberto” sobre apoio a Lula nas eleições deste ano

Marina rompeu com Lula em 2009 e a relação entre eles estremeceu ainda mais após a eleição presidencial de 2014

POR NANY DAMASCENO, DO CONTILNET

Última atualização em 02/05/2022 12:04

Após sua ausência no evento ocorrido na última quinta-feira (28), em que grande parte da Rede anunciou o apoio à candidatura do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva, Marina Silva não descartou se alias ao petista. No evento, Lula lamentou a ausência de Marina e disse não entender porque ela às vezes a sua ex-aliada “demonstra momentos de raiva”.

Em entrevista ao Jornal O Globo, a ex-ministra do Meio Ambiente de Lula e ex-senadora pelo Acre, se disse “surpresa com a surpresa” do ex-presidente, mas ressaltou que se mantém aberta ao diálogo e se posicionará no momento adequado. Nacionalmente o partido Rede Sustentabilidade anunciou nesta quinta-feira (28) apoio formal à candidatura de Lula à Presidência em evento realizado em Brasília. Durante o evento, lideranças do partido disseram que o anúncio representa a “maioria” da sigla. Filiados poderão apoiar outros candidatos.

Marina rompeu com Lula em 2009 e a relação entre eles estremeceu ainda mais após a eleição presidencial de 2014, quando parte da campanha do PT a favor da ex-presidente Dilma Rousseff, atacou a candidatura de Marina.

No Acre, o presidente da Rede no estado, Flanklin Ingma, deixou claro que o partido, pelo menos aqui no estado não estará no palanque de Lula nas eleições de outubro deste ano, justamente por mágoa do ocorrido em 2014.

“Não Lula, a Rede não estará contigo no primeiro turno presidencial. Prefiro não esquecer o que você fez conosco em 2014. Ao inaugurar a era das fake news e desconstruir Marina, você e seu partido pariram essa aberração política chamada Bolsonaro. Não seremos nunca um puxadinho do PT -como muitos dizem-, não lamberemos suas botas ou o chão que pisam, seremos sempre uma voz crítica aos desmandos daqueles que pensam que podem tudo. Nossa ética, coerência e honestidade não estão à venda. Em um eventual segundo turno contra Bolsonaro, votaremos com a democracia, mesmo que essa seja representada por Lula. A democracia é tida por um alto preço, não acham?”, escreveu.

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Receba nossas notícias em seu email

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 5.934 outros assinantes

Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.