29.7 C
Rio Branco
27 maio 2022 1:01 pm

Ministro Fux é favorável a reajuste de 5% aos servidores do Judiciário

O ministro Luiz Fux deu parecer favorável ao reajuste de 5% para servidores do Judiciário. Reajuste ainda deve passar pelo Congresso

POR FOLHA DIRIGIDA

Última atualização em 12/05/2022 10:31

Presidente do STF, o ministro Luiz Fux se manifestou favorável ao reajuste de 5% aos servidores públicos do Judiciário. A informação consta em um ofício enviado pelo ministro Fux, ao ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira.

O próprio ministro Ciro Nogueira teria feito esta solicitação em relação ao reajuste ao ministro Fux e também ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, e ao presidente da Câmara, Arthur Lira.

Para seguir os princípios da isonomia, o reajuste de 5% deve ser feito a todos os servidores públicos. Por isso, inclusive, está sendo realizada a consulta com estes representantes dos poderes.

Para que o reajuste seja realmente válido ainda em 2022 deve passar ainda por aprovação no Congresso Nacional e ser incluído no contracheque do servidor até 1º de julho.

Caso o reajuste seja aprovado, o governo deverá gastar R$827,9 milhões só com o Judiciário. As informações são do jornal O Globo.

Segundo o documento, o maior impacto do reajuste está na Justiça do Trabalho, com impacto de R$ 326 milhões. Na Justiça Federal os gastos seriam elevados em R$ 279 milhões, enquanto que a Justiça Eleitoral sofreria um impacto de R$ 121 milhões.

Para que esse reajuste possa acontecer, Fux propõe cortes e remanejamentos de verbas.

Os gastos com reajustes vem causando impasses no Governo Federal. Além disso, a promessa de reajuste de 5% foi moeda de troca importante usada pelo presidente Bolsonaro para conter a greve dos servidores, em abril.

Governo reservou R$11,7 bilhões para o reajuste do executivo em 2023

No Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (PLDO) do ano que vem, enviado em 14 de abril ao Congresso Nacional, o governo federal reserva o valor de R$11,7 bilhões para o reajuste salarial dos servidores do Executivo em 2023.

Com 5% de reajuste, veja como ficam salários nos concursos federais

Folha Dirigida preparou um conteúdo trazendo então os valores caso se confirme o reajuste.

Previsão de novos salários do Executivo Federal em 2023

Órgão Valor atual Valor em 2023
INSS R$5.186,79 (técnico)
R$7659,87 (analista)
R$5.222,42 (técnico)
R$7.709,50 (analista)
Área Administrativa da PF e PRF R$4.710,76 (agente)
R$5.559,67 (superior)
R$4.824,71 (agente)
R$5.679,79 (superior)
Receita Federal R$21.487,09 (auditor)
R$12.142,39 (analista)
R$22.538,74 (auditor)
R$12.726,60 (analista)
Agências Reguladoras R$15.516,12(especial.)
R$14.265,57 (analista)
R$7.846, 37(tec. regul.)
R$7.474,67 (tec. admi.)
R$16.269,02 (especial.)
R$14.955,94 (analista)
R$8.215,78 (tec. regul.)
R$7.825,50 (tec. admin.)
Ibama e ICMBio R$4.063,34 (técnico)
R$8.547,64 (analista)
R$4.174,48 (técnico)
R$8.783,68 (analista)
CGU R$7.743,71 (técnico)
R$19.655,06 (auditor)
R$8.103,47 (técnico)
R$20.614,91 (auditor)
Bacen R$21.472,49 (proc.)
R$19.655,06 (analista)
R$7.741,31 (técnico)
R$22.523,21 (proc.)
R$20.614,91 (analista)
R$8.105,47 (técnico)

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Receba nossas notícias em seu email

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 5.958 outros assinantes

Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.