Gladson anuncia a construção de 250 novas casas na Cidade do Povo; confira detalhes

Iniciativa visa beneficiar famílias em situação de vulnerabilidade, promovendo dignidade e empregos na comunidade

O governador Gladson Cameli assinou nesta terça-feira (9), a ordem de serviço para a construção de 250 unidades habitacionais na Cidade do Povo, localizada em Rio Branco. Este primeiro lote faz parte de um projeto mais amplo que contemplará mil novas casas na região, através do programa Minha Casa Minha Vida, do Governo Federal.

A cerimônia, realizada no próprio bairro, contou com a presença de autoridades estaduais, representantes da Caixa Econômica Federal e dezenas de membros da comunidade, que é o maior conjunto habitacional do estado.

Governador Gladson Cameli assina ordem de serviço para construção de 250 unidades habitacionais na Cidade do Povo/Foto: José Caminha/Secom

Além das 250 unidades iniciais, também está prevista a construção de mais 750 casas na Cidade do Povo pelo programa Minha Casa Minha Vida, totalizando mil novas residências financiadas pelo governo federal. O programa estadual Pró-Moradia também contribuirá com mais 383 unidades habitacionais nos bairros Irineu Serra, Calafate, Xapuri e Cruzeiro do Sul.

O projeto possui investimento total de mais de R$ 77 milhões, sendo R$ 34,8 milhões oriundos do governo federal e uma contrapartida de R$ 36 milhões do governo estadual. Além das unidades habitacionais, os recursos serão destinados à manutenção da infraestrutura local, incluindo a Estação de Tratamento de Esgoto, construção de elevatórias, e conclusão de obras de esgoto, drenagem e pavimentação. Adicionalmente, o governo estadual disponibilizará terrenos no valor de R$ 6,3 milhões.

As novas moradias serão destinadas a grupos específicos, sendo: pessoas com deficiência; famílias com membros que possuem doenças crônicas incapacitantes para o trabalho; idosos; mulheres sob medidas protetivas da Lei Maria da Penha; famílias vivendo em áreas de risco ou insalubres; e beneficiários do programa de aluguel social.

Cerimônia contou com a presença de autoridades estaduais e representantes da Caixa Econômica Federal/Foto: José Caminha/Secom

Durante discurso, o governador enfatizou o impacto positivo das novas moradias. “É sempre uma alegria estar aqui na Cidade do Povo, lugar de um povo trabalhador e hospitaleiro que enfrenta suas dificuldades do dia a dia com orgulho e determinação. Um lugar de gente de valor que engrandece Rio Branco. Fico mais feliz ainda por poder trazer boas notícias para vocês. Vejam que estamos falando em mais de R$ 70 milhões em obras que irão acontecer aqui na Cidade do Povo. Isso significa que serão gerados muitos empregos para os moradores daqui, vai fomentar o comércio local e ajudar muitos pais de família a dar sustento aos seus filhos”, afirmou Cameli.

A expectativa é que as primeiras 250 unidades sejam concluídas em 18 meses, transformando a realidade de centenas de famílias e promovendo dignidade e cidadania através do acesso à moradia adequada.

O secretário de Estado de Habitação e Urbanismo, Egleuson Santiago, destacou a importância do projeto para a população vulnerável. “Hoje iniciamos as obras de 250 novas unidades habitacionais na Cidade do Povo, a primeira etapa de um total de mil unidades. As unidades serão destinadas a famílias em vulnerabilidade, como aquelas afetadas por enchentes, mães solteiras e idosos. E nossa expectativa é gerar mais de 6 mil empregos na construção civil, trazendo renda e dignidade para a população local”, afirmou Santiago.

Senador Alan Rick reforçou a satisfação pela redução do déficit habitacional/Foto: José Caminha/Secom

O senador Alan Rick, presente no evento, destacou a importância do projeto para a população acreana. “O trabalho que mais traz alegria a qualquer gestor é reduzir o déficit habitacional. No Acre, temos um déficit estimado em mais de 20.000 unidades. Quando começamos a fazer as entregas, oferecemos uma solução para a população que mais precisa. Isso é o que o povo espera de nós. Seguimos avançando todos os dias e precisamos de um intercâmbio contínuo para alcançar nossos objetivos”, declarou o senador.

A iniciativa representa um avanço significativo na redução do déficit habitacional no Acre, especialmente para famílias em situação de vulnerabilidade social.

Veja fotos:

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost