24.3 C
Rio Branco
21 janeiro 2022 9:31 pm

Falso médico tem Habeas Corpus negado e segue preso

POR

Última atualização em 20/07/2019 10:21

A Câmara Criminal do TJAC negou em votação unânime o habeas corpus de Emanuel Júnior, que exercia ilegalmente a profissão de médico em Sena Madureira usando o registro do CRM de outro médico, Tayron Ismael Oliveira da Silva.

Emanuel à esquerda estaria utilizando registo do Tayron Ismael /Foto: Reprodução

O falso médico foi alvo de busca e apreensão domiciliar e foi preso no início do ano preventivamente pela suposta prática do crime de estelionato e exercício ilegal da medicina. A decisão considerou que a conduta ilícita do acusado pode colocar em risco a vida das pessoas. Desta forma, a prisão preventiva foi mantida para combater a insegurança que poderia ser gerada com a custódia cautelar, ou seja, a soltura do acusado.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.