15.3 C
Rio Branco
30 julho 2021 8:19 am

Grupo de ‘Pix 1 real’ no WhatsApp pode ser pirâmide; saiba os riscos

Grupos de Pix se baseiam em esquema de pirâmide e podem trazer prejuízos financeiros; prática é crime contra a economia popular

POR TECHTUDO

Grupos no WhatsApp para receber Pix chamaram a atenção nas redes sociais na última semana. Com a promessa de ganhar dinheiro rápido, é possível entrar nos chats mediante o pagamento de uma quantia de R$ 1. A partir daí, a pessoa deve convidar mais gente para os grupos, e estes novos participantes lhe fazem o Pix de R$ 1 para ingressar nas conversas. Isso consiste num esquema de pirâmide, prática ilegal segundo a Lei nº 1.521/1951, e pode causar prejuízo aos envolvidos.

Ao TechTudo, o WhatsApp declarou que “não permite o uso do seu serviço para fins ilícitos ou não autorizados, como violar direitos de terceiros, incitar ou encorajar condutas ilícitas e inadequadas, incluindo a coordenação de danos reais”. Procurado pelo TechTudo, o Banco Central enfatizou que qualquer meio de pagamento pode ser usado para golpes, e recomenda denunciar “o esquema para a autoridade policial, que tem a competência legal para coibir esse tipo de crime” (veja ambos os posicionamentos na íntegra ao final da matéria).

Os chamados “grupos de Pix 1 real” no WhatsApp são organizados por regras de convívio. É preciso enviar o comprovante de pagamento para entrar no chat, e não é permitida a transações dentro do grupo. Após pagar a entrada, a pessoa vira administradora da conversa coletiva, e pode chamar mais interessados para receber diretamente na conta os Pix de R$ 1 por cada recrutamento bem-sucedido.

A ideia é que integrantes chamem mais gente para o grupo, para acumular os R$ 1 de cada convite aceito. A pirâmide financeira seduz participantes com falsas promessas de lucros, como “receber Pix toda hora” e menções a valores de investimento que não têm garantia de acontecer.

Grupos de Pix no WhatsApp são ilegais — Foto: Reprodução/TechTudo
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.