33.9 C
Rio Branco
24 setembro 2021 7:34 pm

Covid-19: Acre ainda não anuncia qual vacina usar em dose de reforço; SP e RJ são os únicos que escolheram Coronavac

Aplicação da vacina do Butantan é segura e não causa reações graves, mas especialistas criticam decisão de usá-la como reforço porque ela é menos eficaz, especialmente entre idosos

POR TON LINDOSO, DO CONTILNET

Última atualização em 05/09/2021 11:06

Acre, Amapá, Rondônia e Sergipe não responderam publicamente sobre qual vacina usar na dose de recorço contra a Covid-19, chamada popularmente de terceira dose pela imprensa. A informação é do portal Terra. De acordo com publicação do portal, São Paulo e Rio são os únicos Estados que devem usar Coronavac.

“Apesar de o Ministério da Saúde ter recomendado o uso das vacinas de Pfizer, AstraZeneca e Janssen como reforço na proteção contra a covid-19, os Estados do Rio de Janeiro e São Paulo incluíram a Coronavac como uma opção para a dose extra. A aplicação de uma terceira dose da vacina do Butantan é segura e não causa reações graves, mas especialistas criticam a decisão de usá-la como dose de reforço porque ela é menos eficaz, especialmente entre os idosos”, diz um trecho da publicação.

Em São Paulo, o início da aplicação da chamada “terceira dose” está marcado para a próxima segunda-feira. No Acre, as diretrizes seguidas devem ser as publicadas por uma determinação do Ministério da Saúde, em agosto. A data afixada, 15 de setembro, também deve ser seguida.

“A liberação foi dada a todos os Estados do Brasil, incluindo o Acre. Segundo a pasta, os idosos acima de 70 anos que tomaram a segunda dose há mais de seis meses e imunossuprimidos serão os beneficiados. A recomendação do ministério é que sejam utilizadas, preferencialmente, as vacinas da Pfizer, mas também podem ser aplicadas as doses da AstraZeneca e Janssen”, publicou o ContilNet após liberação da determinação.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.