22.3 C
Rio Branco
11 agosto 2022 10:22 pm

Faustão lança nova Dança dos Famosos na Band e baixo orçamento faz situação virar piada

Baixo orçamento para o novo Dança dos Famosos faz surgir comentários cômicos na internet

POR GEROU BUZZ

Última atualização em 05/07/2022 17:24

Numa tentativa de conquistar espaço na TV aberta e recuperar o prejuízo adquirido pela Band, Faustão investe no seu quadro de maior sucesso do seu antigo programa da Globo, Domingão do Faustão (1989 – 2021) e atual quadro do Domingão com Huck, o dança dos famosos.

A versão do programa pelos estúdios bandeirantes foi batizado como Bailão do Faustão. No entanto, devido ao baixo orçamento o consagrado apresentador tem encontrado dificuldades para encontrar nomes de pesos que estejam dispostos a participar do quadro.

Em suma, o cachê mensal pela participação é de R$ 20 mil, e o prêmio totaliza R$ 80 mil reais. No entanto, além do baixo orçamento, outro fator que gera desinteresse nos futuros participantes é a pouco repercussão e a baixa audiência do programa.

Os artistas que participarem do quadro não terão o auxílio de bailarinos profissionais e dançarão sempre ao vivo entre eles em semanas intercaladas, às sextas-feiras. Sendo assim, a expectativa é que o quadro estreie em 19 de agosto e se estenda até meados de dezembro.

Os ensaios ocorrerão três vezes na semana: segundas, quartas e quintas, com duração de duas horas. Os participantes que precisarem ausentar-se poderão ter reposição de aula para não ir à apresentação despreparados.

Faustão gera crise e demissões na Band

A comemoração pela chegada de Fausto Silva em janeiro aos estúdios da Band durou pouco. Devido ao alto custo do programa e a arrecadação que se dá menor que o esperado, a Band enfrenta uma grave crise. Assim, essa crise trouxe, por consequência, uma onda de demissões na emissora.

A princípio, o quadro financeiro é tão grave que as demissões têm afetado além dos funcionários que atuam no programa de Fausto Silva, Faustão na Band.

Apesar do programa contar com grandes patrocinadores como a Swift, Magalu, Bradesco e Coca-Cola (que já decidiu não renovar o contrato), o montante arrecado é insuficiente para suprir as demandas de um programa com o porte do “Faustão na Band”.

É PERMITIDA SUA REPRODUÇÃO PARCIAL COM O SITE CONTILNETNOTICIAS.COM.BR SENDO LINKADO E CITADO.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.