19 de junho de 2024

Fundação de Cultura restaura estátua de Chico Mendes localizada na praça Povos da Floresta

Ao visitar o ateliê de desenho do Museu dos Povos Acreanos é possível vislumbrar um cenário de dedicação diante dos visitantes, à medida que os artistas plásticos Darcy Seles e Luís Carlos Gomes, da Fundação de Cultura Elias Mansour (FEM), se empenham na restauração de uma figura icônica da história brasileira, a estátua de Chico Mendes, localizada na praça Povos da Floresta.

Artistas da FEM se voltam para limpar os vestígios de vandalismo e do tempo sofridos pela escultura. Foto: Carlos Alexandre/Secom

Esta ação é parte de um esforço coletivo do Estado do Acre para revitalizar espaços públicos no centro de Rio Branco, proporcionando à comunidade local e aos visitantes uma experiência mais agradável e segura nas Praças Povos da Floresta, Eurico Dutra e dos Seringueiros.

Praças estão passando por um processo de melhorias, desde iluminação, reparos em bancos, limpeza de fontes, pintura, paisagismo até a instalação de placas de identificação. Foto: Cedida

O artista plástico Darcy Seles compartilha a importância deste projeto, afirmando: “A preservação dessa figura é de extrema importância para a história ambiental do Acre, do Brasil e do mundo. Quando se fala em meio ambiente, Chico Mendes é uma referência incontornável. Essa é uma obra de arte em bronze com um valor artístico e histórico, merece ser cuidada com muito carinho”.

“Chico Mendes representa a história de luta e garra do povo acreano, estamos cuidando dessa peça de arte com a maior reverência”, destaca o artista. Foto: Carlos Alexandre/Secom

Luiz Gomes, artista visual, destaca a relevância da conservação das praças públicas: “Assim como com as obras de arte, o cuidado com as praças é essencial, elas costumam ser lugares de atração turística e de qualidade de vida para a população. Desde minha infância, vejo as praças como lugares de passeio, de encontros com os amigos, de descontração”.

“Estamos dando um banho de loja, logo estará novo em folha”, exalta o artista visual da Fundação de Cultura do Acre. Foto: Cedida

Minoru Kinpara, presidente da FEM, expressa a importância de restaurar a estátua de Chico Mendes como uma homenagem à história de luta do povo acreano. “Colocamos dois dos nossos melhores artistas para restaurar a estátua e entregá-la em um estado ainda melhor do que antes.. Isso é uma honra, um privilégio e uma grande responsabilidade, demonstrando respeito pela história de luta do povo acreano.”

Chico Mendes foi um seringueiro e ativista político, conhecido mundialmente pela sua atuação como defensor da floresta Amazônica. Foto: Reprodução

A restauração da estátua de Chico Mendes não é apenas um ato de preservação artística, mas também um tributo à memória de um dos mais importantes defensores do meio ambiente. É um reflexo do compromisso do Estado do Acre em preservar sua história e resgate de espaços públicos para a comunidade.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost