21 de fevereiro de 2024

Cantora gospel quase é expulsa de voo por se recusar a parar de cantar

Bobbi Storm quase foi expulsa de um voo da Delta Airlines após se recusar a parar uma apresentação sem autorização no avião

Foto colorida da cantora gospel Bobbi Storm - Metrópoles

Reprodução

A cantora Bobbi Storm quase foi expulsa de um voo da Delta Airlines após se recusar a parar de cantar no avião. Ela fazia uma espécie de apresentação sem autorização no corredor da aeronave, quando um funcionário da companhia aérea pediu para ela que ela parasse e se sentasse, alegando que outros passageiros haviam reclamado.

O caso ocorreu no sábado (11/11) e foi registrado em um vídeo que a artista publicou em seu Instagram. Nas imagens, ela aparece cantando a música We Can’t Forget Him, quando é interrompida pelo tripulante, que a manda “ficar quieta” e voltar para o seu assento.

Na publicação, Storm disse que estava “fazendo o que o Senhor estava me dizendo para fazer” e que Deus a chamou para cantar naquele voo.

O vídeo repercutiu nas redes sociais e dividiu a opinião dos internautas. “As pessoas são muito sem noção. Ninguém merece ouvir alguém cantando o voo inteiro”, comentou um usuário do Instagram. “Crente sendo crente”, escreveu outro. “Gente, deixa a mulher! Coloca o fone e vai dormir”, opinou uma terceira pessoa.

PUBLICIDADE