21 de abril de 2024

Travesti agride mãe após ser chamada pelo nome de registro

Mãe contou que ainda está se adaptando com o nome social e por isso teria errado

Uma travesti de 23 anos foi presa na noite desta quarta (28), por agredir e cuspir no rosto da mãe, após ser chamada pelo nome de registro e não pelo social. Além disso, ela esfaqueou o padrasto.o caso ocorreu na zona leste de Porto Velho.

Conforme o boletim de ocorrência, a confusão começou quando a mãe da travesti a chamou pelo nome de registro. Em seguida, a mulher começou a ser agredida pela filha. A vítima contou que a chamou pelo nome errado sem querer, pois ainda está se acostumando com o nome social da filha.

A travesti ainda disse à vítima que não a chamaria mais de mãe. Ainda assim, quando o padrasto da travesti chegou, a agressora começou a chamá-lo de “viadinho”, além de proferir outros xingamentos. Logo depois o agrediu a facadas.

A Polícia Militar foi acionada e quando chegou ao local deu voz de prisão a autora das agressões.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost