Temer decreta luto de três dias pela tragédia com time da Chapecoense

No comunicado, que também foi publicado na página pessoal de Temer no Twitter, o peemedebista informou ter acionado o Ministério das Relações Exteriores e a Aeronáutica para prestar todo o apoio possível às famílias

O presidente Michel Temer decretou na manhã desta terça-feira (29) luto de três dias em razão da tragédia com o avião que transportava o time da Chapecoense para Medelín, na Colômbia. Em nota oficial, o chefe do Executivo lamentou o acidente aéreo e ofereceu assistência do governo federal aos familiares das vítimas (leia ao final desta reportagem a íntegra da nota).

No comunicado, que também foi publicado na página pessoal de Temer no Twitter, o peemedebista informou ter acionado o Ministério das Relações Exteriores e a Aeronáutica para prestar todo o apoio possível às famílias.

“Nesta hora triste que a tragédia se abate sobre dezenas de famílias brasileiras, expresso minha solidariedade. Estamos colocando todos os meios para auxiliar familiares e dar toda a assistência possível”, diz trecho da nota.

chapecoense_-_temer_luto

A equipe da Chapecoense embarcou para a Colômbia na noite desta segunda (28) para disputar a primeira partida da final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional na quarta (30). Inicialmente, a delegação embarcou em um voo comercial de São Paulo até Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia. Lá, o grupo pegou um voo fretado em direção a Medelín.

A aeronave caiu no momento em que se aproximava do aeroporto da cidade colombiana. Havia 81 pessoas a bordo: 72 passageiros e 9 tripulantes. Segundo autoridades colombianas, há 76 mortos e cinco sobreviventes.

A assessoria do Itamaraty informou que a embaixada brasileira em Bogotá está em contato constante com as autoridades da Colômbia para obter informações sobre o acidente aéreo.

Ainda de acordo com os assessores do ministério, as notícias envolvendo a queda do avião ainda estão “desencontradas”. O Itamaraty pretende se manifestar oficialmente sobre o número de vítimas somente depois de confirmar as informações com as autoridades colombianas.

Leia a íntegra da nota oficial divulgada por Michel Temer:

Nota Oficial

Nesta hora triste que a tragédia se abate sobre dezenas de famílias brasileiras, expresso minha solidariedade. Estamos colocando todos os meios para auxiliar familiares e dar toda a assistência possível. A aeronáutica e o Itamaraty já foram acionados. O governo fará todo o possível para aliviar a dor dos amigos e familiares do esporte e do jornalismo nacional.

Michel Temer

comentários

Veja também