Moradora do Bujari afirma ter que chegar de madrugada na Capital para agendar consultadesta


"É mais difícil ainda conseguir uma consulta com o pediatra", relatou Josiane

REDAÇÃO CONTILNET

Moradora do Bujari, Josiane Melo, de 26 anos, relatou à equipe da ContilNet a dificuldade de conseguir um agendamento para o filho de 1 ano de idade, que precisou ser consultado devido à uma forte gripe.

A situação aconteceu, de acordo com a denunciante, no dia 17 de julho. “Lá no Bujari é uma dificuldade para ter acesso. Quando viemos à Capital, é mais difícil ainda conseguir uma consulta com o pediatra”, relatou Josiane.

Atualmente desempregada, ela se deslocou com o filho até a Policlínica no bairro Tucumã, onde, segundo ela, esperou por muito tempo para conseguir apenas agendamento.

Entramos em contato com a assessoria da Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), que destacou que, desde 2016, quando a unidade de saúde se tornou Policlínica, os casos de urgência e emergência devem sempre ser levados às Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) da Capital acreana Na Policlínica, todos os atendimentos são feitos através de agendamento.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários



Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Outras Notícias

Veja Também