Supremo Tribunal Federal arquiva investigações contra Tião Viana e outros 39


A maioria dos casos não seguiu adiante por falta de provas ou porque prescreveu

TON LINDOSO, DA CONTILNET

Hoje é um belo dia para ser o Tião Viana (PT). O Supremo Tribunal Federal (STF) arquivou pelo menos 40 inquéritos e investigações de corrupção, lavagem de dinheiro e caixa 2 que envolviam políticos citados por delações da Lava-Jato ou de executivos da J&F. O governador do Acre estava em um desses.

De acordo com informações da Folha de São Paulo, a maioria dos casos não seguiu adiante por falta de provas ou porque prescreveu. Além de Tião, ex-governadores do Amazonas Eduardo Braga (PMDB) e Omar Aziz (PSD) também se livraram.

Tião Viana/Foto: Reprodução

Os senadores Romero Jucá (PMDB-RR) e Aécio Neves (PSDB-MG), os deputados Luiz Fernando Ramos (PP-MG) e José Otávio Germano (PP-RS) foram outros dos felizardos.

De acordo com a Folha, nesses casos, a Promotoria entendeu que não deveria oferecer denúncia ou porque a Justiça decidiu que não havia motivos para dar início a um processo.

comentários

Outras Notícias

Veja Também