Rio Branco, Acre,


Invicto há 13 jogos, Palmeiras recebe o Sport neste domingo

Invicto há 13 jogos e na quarta colocação do Brasileiro, o Palmeiras pode ter uma equipe com reservas

Após vencer o rival Corinthians na quinta-feira, levando à queda de Tiago Nunes do cargo de treinador do clube alvinegro, o Palmeiras recebe neste domingo (13) o Sport, pela décima rodada do Campeonato Brasileiro.

 Invicto há 13 jogos e na quarta colocação do Brasileiro, o Palmeiras pode ter uma equipe com reservas. Com o jogo da Libertadores na próxima quarta-feira (16), contra o Bolívar (BOL), fora de casa, é possível que o técnico Vanderlei Luxemburgo poupe atletas.

Em treinamento nesta sexta (11), Marcos Rocha, desfalque por uma lesão na coxa direita sofrida contra o Santos, participou de todo o trabalho no campo e está mais perto de retornar aos jogos.

PUBLICIDADE

Felipe Melo, ausente desde a final do Campeonato Paulista por uma lesão na coxa esquerda, está um pouco mais atrás no processo. O zagueiro participou do aquecimento e da primeira etapa do treino desta tarde com o grupo. Ele ainda fez um trabalho de fundamentos, mas sob os cuidados da preparação física.

A vitória sobre o arquirrival, na quinta, fortaleceu Luxemburgo no comando da equipe. Cobrado inicialmente para conquistar o Campeonato Paulista e depois para fazer a equipe jogar melhor, o técnico levantou a taça e viu sua equipe apresentar um bom futebol no triunfo desta semana.

O Palmeiras não vencia o rival durante os 90 minutos desde 2018. Levando em conta a gestão de Maurício Galiotte, iniciada em 2017, eram apenas duas vitórias em 12 dérbis até a final do Estadual. Nos anos anteriores, o time havia conseguido resultados marcantes contra o Corinthians, como na semifinal do Paulistão de 2015 e no Estadual e no Brasileiro de 2016.

O título nesta temporada veio nos pênaltis, depois de dois empates, mas trouxe a sensação de dever cumprido na Academia de Futebol. Ainda assim, Luxemburgo recebia críticas pesadas da torcida nas redes sociais pela falta de desempenho no início do Brasileiro. Internamente, a diretoria mantinha confiança em seu trabalho.

A atuação na última quinta esteve entre as melhores na atual série de 13 jogos sem perder (sete vitórias e seis empates). Na quarta colocação e a quatro pontos do líder Internacional, ainda com um jogo a menos, o Palmeiras voltou a ter tranquilidade.

Especialmente o técnico, que contestou bastante o nível das cornetas tão pouco tempo depois de vencer o Estadual.

“São críticas exageradas, tem muita coisa boa acontecendo no meio do caminho, é só querer parar para pensar. Esquece o jogar feio para vencer [o Paulista]. O ano é muito bom, tivemos duas participações em competições e vencemos as duas. Temos números importantes, só duas derrotas na temporada, o time com a melhor defesa da temporada. São várias coisas boas”, defendeu-se Luxa.

As manifestações na internet já foram bem mais brandas pós-dérbi. Torcedores foram, inclusive, recepcionar o ônibus da delegação com fogos de artifício, após o triunfo em Itaquera. O clube, em suas páginas oficiais, fez diversas provocações ao rival, em uma postura até incomum.

A falta de desempenho diante do maior rival vinha sendo uma pedra no sapato alviverde. Até por isso, a ideia de vencer a final “de qualquer jeito”. Na quinta, já sem a pressão de uma decisão, o Palmeiras conseguiu o resultado e apresentou evolução. Há, portanto, um ambiente mais leve para a equipe, que na próxima semana volta a jogar a Copa Libertadores.

“O Corinthians é um jogo diferente, o jogador precisa entender isso. Tem de viver com a intensidade que permite. É jogar o momento, esquecer o que ficou para trás. ‘Ah, [o Corinthians] tem a vantagem de 2018’. Já ficou para trás e passamos, ganhamos nós agora”, comentou Luxemburgo.

O Sport, 11º colocado no Brasileiro até o início da rodada, tenta surpreender o empolgado Palmeiras. O rubro-negro pernambucano vem de uma derrota por 1 a 0 contra o Fortaleza, na capital cearense, na última quarta-feira (9).

Estádio: Allianz Parque, em São Paulo
Horário: 19h45
Juiz: Diego Pombo Lopez (BA)

PALMEIRAS

Weverton; Mayke, Luan, Gustavo Gómez (Vitor Hugo) e Viña; Patrick de Paula (Bruno Henrique), Gabriel Menino (Ramires) e Zé Rafael; Lucas Lima (Raphael Veiga), Wesley (Veron) e Willian. T.: Vanderlei Luxemburgo

SPORT
Luan Polli; Patric, Iago Maidana, Adryelson e Luciano Juba; Ronaldo Henrique, Marcão e Ricardinho; Marquinhos, Elton e Leandro Barcia. T.: Jair Ventura

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up