Rio Branco, Acre,


BBB21: deputado denuncia participantes por intolerância religiosa

Karol Conká, Nego Di, Projota e Lumena revoltaram espectadores por zombarem de Xangô. Caso foi parar no Ministério Público do Rio de Janeiro

O deputado estadual Átila Nunes (MDB/RJ) denunciou Nego Di, Projota, Karol Conká e Lumena ao Ministério Público do Rio de Janeiro, após o quarteto debochar de uma entidade religiosa de matriz africana durante uma conversa sobre Lucas Penteado, no BBB21.

“Não me restou outra opção do que encaminhar uma denúncia ao Ministério Público dos participantes do BBB Nego Di, Projota, Karol Conká e Lumena por vilipêndio religioso, crime caracterizado no Código Penal. E pedir à DECRADI ([Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância] para requisitar as gravações”, escreveu o político nas redes sociais.

Leia mais em METRÓPOLES, clique AQUI! 

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up