24.3 C
Rio Branco
25 novembro 2021 3:27 am
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Translado do corpo de brasileira morta na fronteira dos EUA é adiado após agente funerário ter infarto durante embarque, diz família

Translado do corpo de brasileira morta na fronteira dos EUA é adiado após agente funerário ter infarto durante embarque, diz família

POR G1

O agente funerário responsável pelo translado do corpo de Lenilda do Santos, dos Estados Unidos ao Brasil, sofreu um infarto na hora do embarque e, por isso, o envio do corpo da rondoniense que morreu quando tentava entrar ilegalmente nos EUA foi adiado para a próxima semana. A informação foi confirmada ao g1 pela família de Lenilda nesta quinta-feira (21).

A previsão era de que o corpo da técnica de enfermagem saísse de Ohio, nos Estados Unidos, na quarta (20), dia em que ela completaria 50 anos, e assim, chegasse ao Brasil nesta quinta.

Segundo a filha de Lenilda, Genifer Oliveira, o corpo da mãe só deve ser enviado dos EUA depois que todos os documentos forem refeitos com o novo agente funerário, que substituiu o primeiro agente após ele sofrer o ataque cardíaco.

De acordo com as informações da Gerência Regional do Translado à família de Lenilda, a previsão de envio é para a próxima semana, mas ainda sem data marcada.

Leia mais em G1, clique AQUI! 

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.