26 de maio de 2024

Senado debate estratégias para o retorno e permanência de alunos na escola pública pós-pandemia

O Senado está debatendo, nesta segunda-feira (21), estratégias para garantir o retorno e a permanência de crianças, adolescentes e jovens nas escolas públicas brasileiras, após a evasão por conta da pandemia do coronavirus. Nos debates temáticos estão sendo abordadas as prioridade máximas para garantir não só o retorno, mas a permanência dos alunos nas escolas públicas, como também será discutida uma ação coordenada e nacional para enfrentar os altos números de evasão e abandono escolar decorrentes da pandemia.

O requerimento foi de autoria do senador Flávio Arns (Podemos-PR) e outros parlamentares. Na justificativa do requerimento, Arns alerta para o impacto da pandemia de coronavírus sobre a área de educação e o problema da evasão escolar.

“O fechamento das escolas por razões sanitárias deixou milhares de estudantes sem acesso ao ensino (por falta de equipamentos e de internet, principalmente), mas também os afastou do contato com professores e colegas, criando um distanciamento em relação à sala de aula, o que levou muitos ao abandono dos estudos. Como agravante, muitos desses estudantes ficaram sem o suporte da alimentação escolar e sem as redes de apoio que a escola geralmente proporciona para aqueles que são mais frágeis ou vítimas de violência”, disse o senador, segundo a TV Senado.

Para a sessão, foram convidados representantes do Ministério da Educação (MEC), do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), da Campanha Nacional pelo Direito à Educação, do Movimento Todos pela Educação, da União Nacional dos Dirigentes Municipais da Educação (UNDIME), do Conselho Nacional de Secretários da Educação (CONSED).

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost