25 de maio de 2024

‘Serial killer’ acreano depõe na 1ª Vara do Juri Popular em audiência preparatória de seu julgamento

O matador Feitosa de Souza, conhecido como “Anjo da Morte”, que está preso e responde por vários crimes de assassinato, está depondo, nesta quarta-feira (23), na 1ª Vara do Tribunal do Júri Popular da Comarca de Rio Branco. O depoimento ocorre durante audiência de instrução e julgamento, presidida pela juíza Luana Campos. Após a audiência será marcada a data em que o matador, apontado pela Polícia Civil como um serial killer (assassinato em série), vai enfrentar o banco de réus.

Ao ser preso, no passado, ele confessou ser autor de pelo menos nove assassinatos, mas a Polícia suspeita de muito mais. Num dos casos, a execução de foi Luiz Carlos de Freitas Lima, de 41 anos, em 30 de janeiro do ano passado.
O crime ocorreu no cruzamento das Ruas Boa União com a Ramos de Azevedo, no bairro Boa União. A vítima estava sentada em uma cadeira na frente de casa e morreu com vários tiros.

Fábio Feitosa foi preso em abril no ano passado durante uma ação de investigadores da Delegacia de Homicídios. Na época, foragido, já tinha três mandados de prisão em aberto. Um pela vara de execuções penais, outro pela acusação de homicídio e o último por integrar organização criminosa.

Em 2015, o acusado foi sentenciado pelo juiz da 4ª Vara Criminal a 29 anos de prisão pelo latrocínio do vigilante Vinicius Maia. O crime ocorreu em dezembro de 2014.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost