25 de maio de 2024

Ator de Gigolô por Acidente defende Elon Musk em briga com Moraes

Após Alexandre de Moraes determinar investigação sobre Elon Musk, Rob Schneider saiu em defesa do dono do X

Conhecido por filmes como Gigolô por Acidente e Garota Veneno, o ator Rob Schneider resolveu se meter na briga entre Elon Musk e Alexandre de Moraes. O humorista saiu em defesa do dono do X, antigo Twitter, e afirmou que o Brasil está sendo submetido a “uma ditadura socialista”.

Tudo começou após o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) incluir Musk no inquérito das milícias digitais, depois que o bilionário ameaçou não cumprir decisões do judiciário brasileiro de suspensão de perfis por apologia a violência a violência, defesa de golpe de estado e propagação de notícias falsas.

Foto: Instagram/Reprodução

Na sequência, Musk afirmou que está “revertendo todas as restrições” aplicadas no Brasil e questionou o motivo de Moraes estar “exigindo tanta censura no Brasil”. O caso gerou diversos desdobramentos, com defesas e acusações, como a de Schneider.

“O Brasil não é mais um país livre. Agora é uma ditadura socialista”, escreveu no X retuitando um post do dono da plataforma. Na publicação, Elon Musk retuita o vídeo do jornalista Michael Shellenberger.

Nas imagens, ele diz que “o Brasil está à beira da ditadura nas mãos de um ministro totalitário do Supremo Tribunal Federal chamado Alexandre de Moraes” e que o STF e o Tribunal Superior Eleitoral “interferem em eleições por meio de censura”.

“Posso dizer uma coisa que muitos brasileiros não podem mais: Alexandre de Moraes é um tirano. E a única maneira de lidar com os tiranos é enfrentando-os. Cabe aos seus senadores enfrentar o tirano. E cabe ao povo do Brasil pressionar seus senadores para que façam isso”, acusa o profissional.

PUBLICIDADE
logo-contil-1.png

Anuncie (Publicidade)

© 2023 ContilNet Notícias – Todos os direitos reservados. Desenvolvido e hospedado por TupaHost