João Albuquerque é oficializado como suplente de Ney Amorim em pré-candidatura ao Senado


“Ele traz o setor produtivo acreano e suas causas para nosso projeto”, disse Ney Amorim sobre entrada do empresário na chapa

ASTORIGE CARNEIRO, DA CONTILNET

Foi oficializada na manhã desta sexta-feira (13) a entrada do empresário João Albuquerque (PSB) como primeiro suplente do pré-candidato ao Senado pela Frente Popular, Ney Amorim (PT). O evento foi realizado na sede do Partido Socialista Brasileiro e contou com a presença de lideranças locais e partidários da Frente Popular.

Lideranças se uniram em evento nesta sexta-feira (13) na sede do partido. Foto: Reprodução

A vaga ocupada por Albuquerque seria anteriormente preenchida por Márcia Regina, chefe da Casa Civil, que decidiu permanecer no seu atual cargo até o encerramento da gestão do governador Tião Viana.

“Foi uma decisão consciente, que visa o melhor para o Estado. Não poderia estar mais feliz com essa indicação. E no dia das eleições, os nossos votos estão certos. O Acre precisa de Ney Amorim. Não só dele: do Jorge, do Marcus e de outros líderes em quem confiamos”, destacou Márcia Regina na Solenidade.

João Albuquerque assumiu a vaga que seria preenchida por Márcia Regina, chefe da Casa Civil. Foto: ContilNet

“Minha bandeira é voltada para o trabalhador, para que ela tenha uma renda que possa ser voltada tanto para o sustento próprio quanto para movimentar o mercado acreano. O PSB e eu temos muito em comum. Estou aqui representando toda uma classe, ou seja, há um compromisso de que as lideranças empresariais irão trabalhar conosco. Tentarei trabalhar para concretizar esse projeto”, declarou João.

Ney Amorim classificou o evento como “um ato representativo” para a pré-candidatura ao Senado: “Hoje foi o abraço do PSB ao João. Isso reafirma o nosso projeto dentro do estado do Acre. Além disso, ele traz o setor produtivo acreano e suas causas para nosso projeto. Unidos com todos os partidos da Frente Popular, temos certeza de nosso sucesso”.

Outras Notícias

Veja Também