Pré-candidato, Carlos Vale cumpre agenda e visita 19 dos 22 municípios do Acre


“Essa nossa decisão de percorrer todo o estado é uma demonstração do nosso comprometimento com todos os municípios do Acre", enfatizou

REDAÇÃO CONTILNET

O senamadureirense e pré-candidato a deputado estadual, Carlos Vale, visitou 19 dos 22 municípios que compõem o estado do Acre na última semana, no intuito de acompanhar de perto a realidade dos centros urbanos e rurais de cada cidade do interior.

Apenas Jordão, Marechal Thaumaturgo e Porto Walter não foram contemplados na agenda de junho, mas devem ser visitadas pelo político em agosto.

Vale diz que tem compromisso com o povo acreano/Foto: Reprodução

Vale afirmou em entrevista concedida à ContilNet nesta terça-feira (12) que as visitas demonstram o cuidado e o comprometimento com a população acreana, em especial, àqueles que vivem mais distantes dos representantes políticos.

“Essa nossa decisão de percorrer todo o estado é uma demonstração do nosso comprometimento com todos os municípios e o povo do Acre em conhecer a realidade local de cada um e, não somente com o meu município de Sena Madureira, pois não serei Deputado-Vereador que na maioria das vezes passam o mandato inteiro e não visitam nem a zuna rural de seus próprios municípios”, enfatizou.

O político visitou centenas de moradores/Foto: Reprodução

O político também salientou a importância de cuidar do tripé que sustenta o bem-estar da população e garante desenvolvimento, referindo-se à saúde, educação e segurança, criticando a ineficiência do estado, na garantia de políticas públicas eficazes.

É importante pensarmos em políticas públicas de Educação, Saúde e Segurança Pública como um tripé de base para todos os municípios. Tenho visto de perto a omissão do governo do estado através de seus organismos no interior do nosso Acre, a ineficiência e a inoperância  dos órgãos públicos estaduais”, comentou.

O senamadureirense ouviu de perto as demandas da população/Foto: Reprodução

Carlos Vale reuniu-se com representantes de cada cidade.

“Precisamos, de oxigenar a política acreana com novos quadros qualificados com formação acadêmica e que no mínimo conheçam os respectivos municípios acreanos e seus principais problemas locais para que tenhamos um debate na Assembleia Legislativa de alto nível e que tenham a capacidade de desempenhar realmente um mandato participativo junto às comunidades e legislar com autonomia e compromisso com a população”, concluiu.

CONFIRA A GALERIA DE FOTOS:

Este slideshow necessita de JavaScript.

comentários

Outras Notícias

Veja Também