Sem receber do governo há quatro meses, médicos do Santa Juliana podem deixar de atender pacientes do SUS


Serviços de acolhimento, internação ou qualquer outro procedimento médico estarão suspensos a partir do dia 27 de novembro

SALOMÃO MATOS, DO CONTILNET

Com salários atrasados há quase quatro meses, os médicos que atendem pelo Sistema Único de Saúde (Sus) no Hospital Santa Juliana no Estado do Acre, convocaram a imprensa na manhã desta sexta-feira (23) para informar que não irão mais fazer nenhum tipo atendimento até que os vencimentos em atraso sejam pagos.

Segundo os profissionais da saúde, os mesmos já recebem os seus vencimentos pelo SUS sempre com dois meses de atraso, mas nos últimos meses a situação se agravou e alegam que não podem mais estar trabalhando de graça.

A paralisação geral dos médicos que trabalham no Hospital Santa Juliana, segundo informam, terá início às 0h do próximo dia 27, não aceitando mais nenhum tipo de internação, consulta ou qualquer outro procedimento para que o Sus pague.

Uma circular assinada pelo Diretor Clínico do Hospital Santa Juliana, Gerce Câmara, informando sobre a paralisação dos serviços de atendimento pelo médicos foi afixada na portaria da unidade hospitalar. Confira:

comentários

Outras Notícias

Veja Também