Rio Branco, Acre,


Em Rio Branco, vereador petista anuncia saída da política e da vida pública

Médico, Jakson Ramos não será candidato à reeleição por falta de tempo e compatibilidade

O vereador Jackson Ramos (PT), de Rio Branco, anunciou, nesta terça-feira (01), que está se retirando da vida pública e que desistirá da política. No entanto, ele deve permanecer no mandato até o final, no ano que vem, mas não deverá ser candidato à reeleição.

O vereador alegou falta de tempo e incompatibilidade do exercício do mandato com sua outra atividade, a de médico. “O trabalho de vereador e a própria política exigem muita dedicação e muito tempo. A atividade da medicina também. Cheguei à conclusão de que seria preciso optar”, disse.

Jackson Ramos, no entanto, disse que deixa a política com a cabeça erguida, mesmo sendo do PT, um partido que vem sendo satanizado tanto em nível nacional como local por erros de suas lideranças e que causaram uma derrocada eleitoral da legenda nas eleições do ano passado, principalmente no Acre. Além de perder o governo do Estado, um mandato de senador, dois de deputado federal e pelo menos um de deputado estadual na Assembleia Legislativa, o Partido também vem encolhendo com vistas às eleições municipais do ano que vem.

Mesmo com o atual cenário, Jackson Ramos acha que teria chance de uma reeleição, porque seus eleitores, segundo ele, reconhecem que ele nada teria a ver com possíveis desmandos do Partido. “Minha saída da política e da vida pública se devem à incompatibilidade de atividades e de falta de tempo. Eu tenho muita honra de ter passado pela Câmara e de ter disputado pelo menos três mandatos”, afirmou.

Ramos foi candidato a deputado estadual pelo PT, em 2014, obteve mais de cinco mil votos, mas não conseguiu se eleger. Em 2016, se elegeu vereador e em 2018 tentou mais uma vez chegar a Assembleia Legislativa mas sua votação naquele ano diminuiu em pelo menos mil votos em relação à votação de 2014. “Com a minha saída, eu abro espaço e vago a um vereador que efetivamente possa se dedicar à política em empo integral. Política exige esse tipo de dedicação”, disse.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias