Rio Branco, Acre,


Criação de galinhas no Acre teve aumento de 2% em 2019, segundo IBGE

Acréscimo em relação a 2018 foi de 53 mil animais; dados são da Pesquisas da Pecuária Municipal

Em 2019, o Acre criou 53 mil galinhas a mais que em 2018 e fechou o ano com 2,7 milhões de cabeça. O crescimento foi de 2%. Os dados são das Pesquisas da Pecuária Municipal (PPM) e Produção da Extração Vegetal e da Silvicultura (Pevs), feita pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O Vale do Acre foi responsável pela maior participação, com mais de 70% do total. Brasiléia lidera o ranque, com 15,6%, seguido por Rio Branco (10,9%) e Plácido de Castro (10,3%).

PUBLICIDADE

Quase 7 mil dúzias de ovos de galinha foram produzidas no ano passado, quase a mesma quantidade de 2018, com crescimento de apenas 0,1%. O rendimento estimado do setor foi de R$ 36,6 milhões. Quem lidera a produção de ovos é Senador Guiomard, com 49,7% do total.

Já o efetivo de codorna e a produção de seus ovos tiveram aumento de 7,2% e 3,5%, respectivamente. O Acre fechou 2019 com 7.289 cabeças e 87 mil dúzias de ovos.

Senador Guiomard novamente lidera a produção e o efetivo, “sendo o maior responsável pelo crescimento no ranking estadual desse segmento”, diz a pesquisa.

(Foto: Nutrição e Saúde Animal)

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up