Rio Branco, Acre,


Assessoria diz que Mazinho foi abordado de forma abrupta pela PF e liberado para “exercer seu direito”

"Esclarecido o ocorrido, Mazinho Serafim voltou às ruas para exercer seu direito de cidadão", diz a nota

Depois que a Polícia Federal abordou o candidato à Prefeitura de Sena Madureira, Mazinho Serafim, entregando santinhos com sua advogada em um das ruas da cidade, a asessoria do prefeito se posicionou sobre o caso.

Mazinho foi levado à delegacia para prestar esclarecimentos ao Ministério Público Eleitoral (MPE).

PUBLICIDADE

SAIBA MAIS: Prefeito Mazinho Serafim e advogada são presos pela Polícia Federal em Sena Madureira

“Na manhã de hoje, em trabalho de rotina da PF e do MP, o veículo em que se encontrava o candidato à reeleição Mazinho Serafim e assessores foram abordados abruptamente e convidados a comparecerem à Delegacia”, diz a nota.

“Esclarecido o ocorrido, Mazinho Serafim voltou às ruas para exercer seu direito de cidadão e candidato a reeleição”, finaliza.

Logo após a reunião com as autoridades, Serafim assinou um termo de compromisso e foi liberado.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up