Rio Branco, Acre,


Em Sena, vereador distribui ivermectina sem prescrição médica para comunidade isolada

Protocolo de tratamento da Secretaria Municipal de Saúde não incluía o remédio para verme

O vereador eleito em Sena Madureira, Denis Araújo (PSDB), alugou um carro e levou por conta própria, sem prescrição médica, várias caixas de ivermectina para uma comunidade isolada que passava por um surto de coronavírus no Ramal do Quinze.

Segundo médicos e cientistas, o medicamento não tem eficácia comprovada contra a doença e, como toda droga, pode provocar efeitos colaterais.

O próprio parlamentar anunciou a doação em suas redes sociais. “Não é questão de legislar e sim de humanidade e gratidão”, escreveu, em seu perfil no Facebook. Algumas vitaminas também foram levadas.

Foto: Facebook

O ContilNet entrou em contato com o político, que confirmou a informação. Segundo ele, cerca de 20 moradores positivaram para a Covid-19 após a Secretaria Municipal de Saúde levar testagem ao local.

Ainda de acordo com o vereador, um médico ligado à rede pública de saúde havia prescrito um protocolo de tratamento à comunidade e que não havia incluído ivermectina entre os medicamentos.

“Ivermectina não precisava de receita. Na receita que o médico passou pra eles tinha azitromicina. Aí eu levei a ivermectina e vitaminas pelo fato de ser preventivo. E graças a Deus eles ficaram bem satisfeitos”.

Questionado se sabia que não há estudos conclusivos sobre a eficácia do medicamento contra a Covid-19, Denis contestou e disse que “preventivamente, há vários relatos de que serve”.

O Ministério Público já tomou conhecimento do caso e na semana que vem vai instaurar uma investigação.

O coronavírus já infectou quase 3 mil pessoas no município, matando 16 delas.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up